Cabo de Santo Agostinho prepara comunidade para a chegada de novos empreendimentos

Localizado a 41 km de Recife, o Cabo de Santo Agostinho reúne ao mesmo tempo o maior pólo industrial de Pernambuco e um cenário belíssimo de praias paradisíacas. Repleta de reservas ecológicas e manguezais, a regi

  
  

Localizado a 41 km de Recife, o Cabo de Santo Agostinho reúne ao mesmo tempo o maior pólo industrial de Pernambuco e um cenário belíssimo de praias paradisíacas. Repleta de reservas ecológicas e manguezais, a região recebe anualmente milhares de turistas de todos os lugares do mundo. A partir de 2008, novos empreendimentos turísticos serão construídos no destino, que sofrerá um forte impulso econômico e social.

Com o objetivo de preparar a comunidade local para aproveitar as oportunidades de trabalho e renda que surgirão em decorrência desses novos investimentos, o IH está desenvolvendo um projeto de qualificação profissional para o setor de turismo e lazer. A primeira etapa contempla um diagnóstico das necessidades de capacitação da população e a identificação de hábitos e tradições típicos da cultura local. A partir deste levantamento, o IH elaborará e implementará um programa integrado de qualificação para inserção profissional, que oferecerá aos novos empreendimentos, profissionais preparados para atuar com excelência. Dentre os diferenciais do programa estão o estímulo ao empreendedorismo e a qualificação profissional nas diversas ocupações do setor de hospitalidade, valorizando características do jeito local de ser e receber.

Após o diagnóstico, virão as etapas de capacitação profissional e empresarial e a qualificação sócio-cultural e ambiental do território. As etapas são complementares, já que cada uma delas enfoca um aspecto do desenvolvimento. Essa primeira fase diagnóstica é um dos elementos chave do projeto, pois prevê as necessidades de qualificação da comunidade para sua adesão ao mercado de trabalho, e sensibiliza a população para o engajamento nas fases subseqüentes e também em relação à importância dos investimentos que serão realizados na região. A implementação do projeto deverá durar em média três anos.

http://www.hospitalidade.org.br/images/spacer.gif

Fonte: Instituto de Hospitalidade

Foto destaque: Prefeitura do Cabo de Santo Agostinho

  
  

Publicado por em