Conhecimento compartilhado

Teleconferência permite aos participantes do Curso de Regionalização do Turismo contato com especialistas da área

  
  

O Ministério do Turismo (MTur), em parceria com a Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC), promoveu, nesta quarta-feira (25/08), a 2ª Teleconferência do Curso de Regionalização do Turismo. O tema foi Instâncias de Governança e foi disponibilizado para os 2 mil alunos da 2ª edição do Curso de Regionalização do Turismo, com o objetivo de oferecer contato com especialistas da área e acesso a relatos de experiências bem sucedidas.

A teleconferência contou com a presença da representante do Instituto Marca Brasil (IMB), Tânia Brizola, e do presidente do Conselho Municipal de Turismo de Foz do Iguaçu, Newton Paulo Angeli. “As instâncias devem pensar, integrar, distribuir e promover os produtos da região turística. Além disso, são instrumentos importantes para que as políticas permaneçam durante as trocas de governos”, ressaltou Brizola.

Angeli relatou a experiência da Instância de Governança de Foz do Iguaçu. “Ainda temos nossas dificuldades e problemas, porém o grande passo para nosso sucesso foi definir a área de atuação e o papel de cada instituição”. Para Angeli, a instância não é forte se ficar dependendo somente do poder público.

Além da teleconferência, o curso oferece aos participantes recursos didáticos, como kit composto por cinco livros, Guia do Estudante e videoaula em DVD; fóruns; lições virtuais; banco de Planos Estratégicos de Desenvolvimento do Turismo; e Biblioteca Virtual.

Fonte: MTur

  
  

Publicado por em