SEBRAE/AM realiza palestra sobre Programa Aventura Segura

O Sebrae no Amazonas realizou nesta sexta-feira (18) uma palestra sobre o Programa Aventura Segura e o Grupo Voluntário de Busca e Salvamento (GVBS)

  
  

O Sebrae no Amazonas realizou nesta sexta-feira (18) uma palestra sobre o Programa Aventura Segura e o Grupo Voluntário de Busca e Salvamento (GVBS). Segundo o palestrante e vice-presidente da Federação de Escalada, Rapel e Ascenção do Norte (Feram), Arthur Freitas, o objetivo do evento é sensibilizar a sociedade quanto à importância de um GVBS na cidade. “O GVBS serve para prevenir acidentes, dar apoio à ações diversas relacionadas à segurança e a realização de ações de busca e salvamento em atividades de ecoturismo e turismo de aventura”, explica.

O Programa Aventura Segura é uma parceria do Ministério do Turismo com o Sebrae Nacional executado através de um convênio com a Associação Brasileira das Empresas de Turismo de Aventura (Abeta) para gerar e disseminar conhecimento, qualificar empresas e profissionais, além de formar GVBS nas cidades. O gestor do programa de Turismo do Sebrae/AM, Fábio de Souza, explica que foram identificados no Brasil 15 pólos potenciais destinos de turismo de aventura, entre eles Manaus (AM) com altos número de atividades ofertadas, potencial para comercialização internacional, a concentração de empresas, a capacidade de mobilização e articulação. “A partir daí, identificamos a necessidade da criação de um GVBS na cidade, pois é primordial para que o profissional de turismo de aventura saiba executar os procedimentos legais com segurança quando ocorrer um acidente ou para prevenir situações de risco”, complementa.

Para o assistente de resgate da Defesa Civil do Estado do Amazonas, Carlos Souza, é necessário um conhecimento da região para que o trabalho tenha maior eficácia na execução. “ Conhecendo melhor a região, temos um maior domínio da situação caso ocorra algum acidente, sabendo para que lado ir e a quem recorrer”, diz. O capitão da Força Aérea Brasileira (FAB), Roberto Tomita complementa que uma equipe especializada aliada a um vasto conhecimento da região pode evitar possíveis complicações que venham a ocorrer. “Sem uma equipe especializada o 1º atendimento de socorro pode acarretar em problemas sérios, até em processo jurídico”. O gestor do Sebrae/AM, Fábio de Souza, avisa que no dia 18 de agosto será oficializada a criação do Grupo Voluntário de Busca e Salvamento Manaus.

______
Fonte: Sebrae/AM
Por: abeta

  
  

Publicado por em

Ronaldo da Silva Belote

Ronaldo da Silva Belote

14/04/2009 11:01:32
MUITO BOM FICO FELIZ COM A RENOVAÇÃO DE NOSSOS CONHECIMENTOS E NOVOS APRENDIZADOS!!!