Setur / ES realiza seminário para prefeitos e secretários municipais de Turismo

O objetivo do encontro é atender a demanda dos novos prefeitos e secretários municipais de Turismo

  
  
o ministro do Turismo, Luiz Barretto, falou sobre a importância do programa

O Governo do Estado, por meio da Secretaria de Estado de Turismo (SETUR), realizou na manhã desta segunda-feira (09), o seminário “ Um Modelo de Gestão Descentralizada do Turismo”. O evento contou com a presença do ministro do Turismo, Luiz Barretto e do vice-governador Ricardo Ferraço, além do secretário Marcus Vicente.

O objetivo do encontro é atender a demanda dos novos prefeitos e secretários municipais de Turismo , capacitando-os e aprimorando as atividades relativas ao Programa de Regionalização do Turismo – Roteiros do Brasil.

O ministro do Turismo, Luiz Barretto, falou sobre a importância do Programa. “O Ministério do Turismo trabalha para reforçar o turismo nos estados através da valorização da cultura regional, para que assim resulte no seu desenvolvimento”.

Em 2003, o Governo do Estado iniciou o processo de implantação do Programa de Regionalização do Turismo, com a criação das instâncias de governança regionais e do Conselho Estadual de Turismo (Contures), facilitando a interlocução entre o setor publico e o privado.

“A regionalização forma uma rede de cooperação e parceria dos segmentos envolvidos, como os poderes públicos e privados, organizações da sociedade civil, terceiro setor, instituições de ensino e turistas. Todos trabalhando juntos para atingir objetivos comuns. Aqui no Espírito Santo, o Programa de Regionalização funciona muito bem, gerando resultados positivos, transformando-se em instrumento de desenvolvimento sustentável”, disse o secretário Marcus Vicente.

O vice-governador Ricardo Ferraço falou sobre os esforços do Governo do Estado em fortalecer o turismo. “O turismo ainda representa algo em torno de 3% do PIB do nosso Estado e pode representar muito mais. Por isso estamos trabalhando na direção de divulgar o Espírito Santo para o Brasil e para o próprio povo capixaba. É preciso reconhecer os passos que já foram dados para que o turismo fosse também gerador de renda para a população capixaba. Criamos um ambiente para que pudéssemos discutir mais sobre turismo e criar um planejamento específico para o setor, com ações como ampliação dos serviços de saneamento básico e tratamento de água e esgoto, reabilitação e construção de rodovias, entre outros projetos de infra-estrutura para dar condições ao Espírito Santo de receber e oferecer serviços de qualidade aos turistas”, disse.

Ricardo Ferraço aproveitou a oportunidade e anunciou para abril a publicação do edital para contratação de obras de reforma do estádio Kléber Andrade.

Fonte: Secretaria de Turismo do Estado do Espírito Santo

  
  

Publicado por em