Bahia continua líder de vendas do turismo interno nacional

A Bahia continua sendo o principal produto de vendas do turismo interno nacional, a partir das vendas da maior operadora brasileira de turismo, a CVC, com 154.283 passageiros de janeiro a julho de 2006, apresentando um crescimento de 15.67% em relação ao

  
  

A Bahia continua sendo o principal produto de vendas do turismo interno nacional, a partir das vendas da maior operadora brasileira de turismo, a CVC, com 154.283 passageiros de janeiro a julho de 2006, apresentando um crescimento de 15.67% em relação ao mesmo período do ano passado.

“As vendas da Bahia representam a soma das vendas dos Estados do Rio Grande do Norte, Ceará e Rio de Janeiro. O Ceará, que é o segundo lugar em turistas da CVC, representa metade do número de turistas da Bahia: 76 mil passageiros”, explica o secretário da Cultura e Turismo, Paulo Gaudenzi, reafirmando a posição consolidada da Bahia no ranking brasileiro de turismo.

No último mês de junho os números revelam que continuam em alta os destinos baianos de Porto Seguro, Salvador, Costa do Sauípe, Ilhéus e Itacaré, sendo que Sauípe apresentou um crescimento de 147% em relação ao mesmo período do ano passado.

O relatório da empresa paulista, que aos poucos vai ocupando o espaço da extinta Soletur, comprova que a grande força do turismo brasileiro está no Nordeste: nada menos que 74% das vendas da CVC são de destinos do Nordeste, com um total de 414.115 passageiros.

Um capítulo à parte nos números é Porto Seguro, que representa a maior venda da CVC, com 18% dos seus turistas, com 91.483 passageiros de janeiro a julho de 2006, representando quase 15.000 passageiros a mais do que todas as vendas do Estado do Ceará.

Sómente Porto vende mais do que os 14 primeiros produtos internacionais da CVC em junho de 2006. O mesmo relatório da companhia revela que as vendas de Porto Seguro de janeiro a julho deste ano são maiores que todas as vendas internacionais da CVC no mesmo período. Observe-se que, nesses 7 meses, o dólar manteve-se em baixa.

Fonte: CVC

Del Valle Editoria
Contato: vininha@vininha.com

  
  

Publicado por em