Embratur participa da Semana do Brasil no Oriente Médio

Entre os dias 7 e 9 de dezembro, a Embratur participa da Brazilian Week & Trade Exhibition (BWTE), uma exposição de empresas brasileiras em Dubai, com 1350 metros quadrados, organizada pelos governos do Brasil e dos Emirados Árabes Unidos no Jemeirah Beac

  
  

Entre os dias 7 e 9 de dezembro, a Embratur participa da Brazilian Week & Trade Exhibition (BWTE), uma exposição de empresas brasileiras em Dubai, com 1350 metros quadrados, organizada pelos governos do Brasil e dos Emirados Árabes Unidos no Jemeirah Beach Hotel.

O Ministério do Turismo e a Embratur terão neste espaço um estande de 150 metros quadrados, mostrando a `cara` brasileira, com sua diversidade cultural, produtos e destinos turísticos brasileiros, além da infra-estrutura de hotéis, transporte, centros de convenções, pavilhões de
feiras etc.

A intenção é associar o Brasil ao turismo de negócios, eventos e lazer. Também estão sendo levados projetos de hotéis e resorts brasileiros para captação de investimentos.

A viagem oficial do presidente Lula aos Emirados é uma oportunidade em que o país estará bastante exposto na mídia internacional.

O evento, onde estarão representantes de diversos setores da economia, tem o objetivo de promover a marca Brasil e de intensificar as relações entre o Brasil e os países árabes, numa ação que envolve ao mesmo tempo as áreas de política, cultura e comércio e turismo.

Estarão na Semana do Brasil no Oriente Médio os ministros do Turismo, Walfrido dos Mares Guia; do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior, Luiz Furlan; das Relações Exteriores, Celso Amorin; e da Cultura, Gilberto Gil, além dos presidentes da Agência Nacional de Exportação (Apex), Juan Manuel Queiróz, da Embratur, Eduardo Sanovicz e da Câmara de Comércio Árabe Brasileira, Paulo Sérgio Atallah. Durante o evento, haverá também shows de música, dança e degustação de comidas típicas brasileiras.

ECONOMIA :

As relações comerciais entre o Brasil e os países árabes podem chegar a US$ 7 bilhões nos próximos quatro anos, segundo estudo feitos pela Câmara de Comércio Árabe
Brasileira. O intercâmbio comercial entre os dois países vem crescendo a cada ano, segundo o Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior.

De janeiro a outubro deste ano, a corrente de comércio brasileira com este bloco econômico atingiu US$ 4,065 bilhões, com saldo positivo para a Liga Árabe em US$ 73 milhões.

No mesmo período do ano passado, este número chegou a US$ 3,8 bilhões, uma diferença de 5%. Hoje, o bloco corresponde a 3,3% do total exportado pelo Brasil e 5,17% do total importado.

Fonte: Assessoria de Comunicação da Embratur

  
  

Publicado por em