Embratur participa do Núcleo do Conhecimento do Salão do Turismo

A Embratur (Instituto Brasileiro de Turismo) participa, com vários de seus diretores e gerentes, do Núcleo do Conhecimento do Salão do Turismo – Roteiros do Brasil, que acontece de 1 a 5 de junho, no Expo Center Norte, em São Paulo (SP). O Núcleo é um

  
  

A Embratur (Instituto Brasileiro de Turismo) participa, com vários de seus diretores e gerentes, do Núcleo do Conhecimento do Salão do Turismo – Roteiros do Brasil, que acontece de 1 a 5 de junho, no Expo Center Norte, em São Paulo (SP).

O Núcleo é um espaço dentro do Salão para a troca de experiências e ampliação de informações sobre o turismo por meio de palestras, seminários e oficinas.

A mostra dos novos produtos / roteiros turísticos, seguindo as diretrizes da regionalização, é o principal motivo da realização do Salão do Turismo. O trabalho da Embratur começa no momento em que esses novos produtos são formatados para o mercado internacional.

Os trabalhos do núcleo começam dia 2, às 9h, com a apresentação do diretor de Marketing do Instituto, Edson Campos, que fala sobre a Marca Brasil. Logo em seguida Joseph Chias, da Chias Marketing, fala sobre o Plano Aquarela , o primeiro plano de marketing turístico internacional do País.

No dia 3, a partir das 14h, no auditório 4, o gerente Vitor Iglezias Cid, faz uma abordagem sobre segmentação de produtos. Na seqüência, Maria Katavatis fala sobre a sua atuação em feiras internacionais.

No mesmo horário, no auditório 5, Vaniza Schüler, fala sobre captação de eventos internacionais. Logo após, a diretora de Turismo de Negócios, Jeanine Pires, ministra apresentação sobre a participação da Embratur em feiras comerciais.

A partir das 16h30, no auditório 4, Ronnie Schroeder, ministra a palestra Escritórios Brasileiros de Turismo no Exterior: Um Modelo Inovador. Logo depois, Jurema Monteiro fala sobre o projeto da Embratur, Caravana Brasil. No auditório 5, o diretor de Estudos e Pesquisas, José Francisco de Salles Lopes, fala sobre o Boletim de Desempenho Econômico do Turismo da Embratur.

Em seguida, Luiz Gustavo Barbosa, coordenador do Núcleo de Turismo da FGV (Fundação Getúlio Vargas), fala sobre a Conta Satélite de Turismo. O Instituto e a FGV realizam pesquisa sobre o perfil dos visitantes e o desempenho econômico do Salão. Além disso, o ministro do turismo, Walfrido dos Mares Guia, anunciará o 6º Boletim de Desempenho Econômico.

As inscrições para o Núcleo do Conhecimento poderão ser feitas no próprio evento. A estimativa é de que 100 mil pessoas visitem o Salão do Turismo nos cinco dias. O acesso do público ao Salão será a partir do dia 2 de junho. O ingresso individual custa R$ 6 por dia. Estudantes têm direito a meia entrada. Há, ainda, o passaporte de R$ 15 para acesso aos quatro dias do evento.

Fonte: Embratur

  
  

Publicado por em