Embratur participou pela primeira vez da Feira da Anato, em Bogotá

Neste ano, a Embratur participou pela primeira vez da feira da Anato, em Bogotá. O espaço brasileiro teve uma área de 130 metros quadrados para apresentar a diversidade cultural aos visitantes do evento, que aconteceu de 23 a 25 de fevereiro. Na noit

  
  

Neste ano, a Embratur participou pela primeira vez da feira da Anato, em Bogotá. O espaço brasileiro teve uma área de 130 metros quadrados para apresentar a diversidade cultural aos visitantes do evento, que aconteceu de 23 a 25 de fevereiro.

Na noite do dia 24,aconteceu um coquetel com música brasileira para cerca de cem convidados, na Embaixada do Brasil, oferecido pela embaixadora Maria Celina de Azevedo
Rodrigues.

A organização da feira teve 489 estandes e um público total de 10 mil pessoas. No estande brasileiro estiveram presentes a Varig, a Gipsytours e a Tourplans. Esta última, que trabalha com o mercado colombiano há 20 anos, teve em seu espaço os hotéis Rede Tropical, Ceasar Park,Sheraton e Intercontinental.

A Gipsytours expos o capacete do piloto de Fórmula 1 Ayrton Senna. Estiveram no espaço da empresa o Anhembi Turismo, o São Paulo Convention & Visitors Bureau e os hotéis Accor, Casa Grande, Pousada Armação e Atlântica.

Representando a Embratur, estiveram o coordenador do Escritório Brasileiro para a América do Sul, João Carlos Vasconcellos e Leila Jinkings. O escritório, sediado em Brasília, é responsável pela formulação de estratégias e ações de promoção do turismo brasileiro para este mercado, em conjunto com o Ministério das Relações Exteriores.

`A nossa meta é elevar o fluxo de turistas dos países da América do Sul em 50% até 2007`, afirma João Carlos. Em 2002, 1,46 milhões de turistas sulamericanos visitaram o país, dos quais 37,58 mil eram colombianos.

`Os países do Mercosul são nosso maior mercado emissor e estamos começando a intensificar ações de promoção e de marketing`, completa.

Esta é mais uma das feiras que a Embratur soma no seu calendário oficial de eventos. Enquanto no ano passado o Instituto esteve em 24 feiras internacionais, neste ano já são 38. Além disso, baixou em torno de 50% os preços para participação dos órgãos oficiais de turismo e empresas do setor. Isso resultou em um aumento de 64% no tamanho dos estandes brasileiros, em comparação com 2002.

Fonte: Assessoria de Comunicação da Embratur

  
  

Publicado por em