Embratur realizou sua primeira licitação através de pregão

Ontem a Embratur contratou uma empresa para fornecimento de passagens aéreas e terrestres para dentro e fora do Brasil através de pregão. Foi a primeira sessão licitatória do órgão nesta modalidade. O sistema, que permite maior agilidade no processo

  
  

Ontem a Embratur contratou uma empresa para fornecimento de passagens aéreas e terrestres para dentro e fora do Brasil através de pregão. Foi a primeira sessão licitatória do órgão nesta modalidade.

O sistema, que permite maior agilidade no processo de compras, gera economia e mais transparência no processo, funciona como um leilão invertido.

`Os interessados propõem um preço e, então, começa o ‘quem dá menos’ até fechar a contratação do serviço ou compra do produto por menor custo`, explica José Antônio dos Santos, chefe do setor de compras da Embratur.

A contratada Money Turismo deu o lance final de 15,20% de desconto sobre seus serviços,cerca de dois pontos percentuais acima do, até então, menor desconto proposto pela Voetur (13,13%).

`Além da decisão ser deliberada no mesmo dia, o pregão possibilita uma economia em cima do que seria o menor preço numa licitação normal`, diz Santos.

O pregão elimina burocracia, já que os valores são expostos logo no início do processo, permitindo que as empresas interessadas façam lances – para baixo. Com isso, apenas a que garante o menor preço tem a documentação analisada e não todas as interessadas, como funciona no outro método. No caso de uma concorrência (acima de R$ 650 mil), o processo pode durar meses.

O coordenador de logística do Ministério do Turismo, Rubens Bacellar, foi o primeiro pregoeiro do Brasil e é um entusiasta do sistema. `A média de economia no país é de 25%. Quase todo o governo federal utiliza e os estados e municípios estão aderindo`, conta. Dá o exemplo do próprio ministério que chegou a economizar R$ 223 mil na compra de divisórias para salas.

A divulgação de edital para essa modalidade é através de jornais de circulação nacional, do Diário Oficial da União ou pelo site.

Fonte: Assessoria de Comunicação da Embratur

  
  

Publicado por em