Escalada, fauna e cachoeiras dão o tom da aventura em Manaus, Anavilhanas e Presidente Figueiredo

Dona de riquezas arquitetônicas, culturais e históricas marcantes, a cidade tem, além dos atrativos naturais, muito a oferecer aos turistas

  
  
Manaus

A capital do estado do Amazonas, Manaus, é a porta de entrada para um dos cenários mais importantes do mundo: a Amazônia. Com toda esta importância geográfica e dona de riquezas arquitetônicas, culturais e históricas marcantes, a cidade tem, além dos atrativos naturais, muito a oferecer aos turistas. Perto dali, em um raio de pouco mais de 100 quilômetros, o Parque Nacional Anavilhanas e Presidente Figueiredo dão continuidade ao espetáculo natural do estado.

A principal atividade de aventura realizada na região é a escalada de árvores chamada de tree climbing. A experiência de subir uma Sumaúma de dezenas de metros e curtir o visual lá de cima é única e inesquecível para os visitantes.

Em terra firme, o ideal é realizar um city tour para conhecer os inúmeros pontos turísticos locais. O prédio da Alfândega, o Bosque da Ciência, os Centros Culturais Palácio Rio Negro e Povos da Amazônia, o Centro de Artesanato Branco e Silva, os palácios, monumentos, igrejas, teatros, reservatório e zoológico estão entre as paradas obrigatórias. O turista também não pode deixar de visitar a praia da Ponta Negra, principal ponto jovem da cidade, e o encontro das águas, onde o rio Amazonas é formado pelo encontro dos rios Solimões e Negro.

Já no interior da Floresta Amazônica, a cerca de 40 quilômetros da capital do estado, uma paisagem se destaca pela beleza dos contornos que as águas do Rio Negro fazem em volta das mais de 400 ilhas do Parque Nacional Anavilhanas. É um arquipélago que forma um labirinto natural e guarda raros animais como onças pintadas, jaguatiricas, peixes-bois e tamanduás-bandeiras que vivem nas praias reservadas e enriquecem o cenário da floresta.

O Parque tem aventura por todos os lados. Praticar o arvorismo e apreciar a paisagem, conhecer a vida selvagem de perto e caminhar pela mata é apenas o começo de uma viagem inesquecível pela floresta. O ecoturismo ainda fica por conta de inúmeros rios ideias para a prática da canoagem e da flutuação. Agências em Manaus organizam ainda rapel e tirolesa com toda a segurança.

Para descansar com conforto após conhecer um dos mais belos cenários da Amazônia, não é preciso se afastar da natureza. Hotéis e pousadas oferecem boas horas de repouso em meio ao cenário de selva equatorial.

A biodiversidade da flora local é tão marcante que árvores centenárias com alto risco de extinção são observadas em toda a sua grandeza enquanto herbáceas de menor porte se destacam pela beleza dos detalhes e por flores pouco conhecidas do grande público.

Cerca de 100 quilômetros ao norte da capital amazonense está situado Presidente Figueiredo. A pequena cidade amazônica abriga um complexo de cachoeiras e grutas que, aliados à paisagem e fauna da região, fazem o local ideal para se conhecer no verão. A fartura de cascatas no território de Figueiredo é tão grandiosa que chega a ter mais de 100 quedas d’água.

O local é propicio para as atividades de aventura. São várias corredeiras que presenteiam o visitante com um rafting em meio a essa mata reconhecida internacionalmente pela sua beleza e importância ecológica. A floresta da região ainda guarda uma grande biodiversidade. Pássaros das mais diversas cores, tucunarés, raros pumas e primatas que existem somente na Amazônia são apenas alguns exemplos do que o turista pode apreciar.

Estes destinos são contemplados pelo portal Viagem na Natureza (www.viagem-natureza.com.br), desenvolvido para oferecer conteúdo de qualidade sobre dezenas de destinos, parques nacionais e atividades de ecoturismo e Turismo de aventura - tudo reunido para ajudar o turista a desfrutar da natureza brasileira da maneira mais segura e divertida possível.

Fonte: AD Comunicação & Marketing

  
  

Publicado por em