Estância Jatobá ganha incentivo para disseminar informações georreferenciadas

A Embrapa lançou na Internet um website com mapas e WebGIS da Estância Jatobá, santuário e ecológico localizado na região da cidade de Holambra, São Paulo, e considerado pelo governo federal e pelo Ibama como Reserva Particular do Patrimônio Natural ̵

  
  

A Embrapa lançou na Internet um website com mapas e WebGIS da Estância Jatobá, santuário e ecológico localizado na região da cidade de Holambra, São Paulo, e considerado pelo governo federal e pelo Ibama como Reserva Particular do Patrimônio Natural – RPPN.

O website vai auxiliar a Estância Jatobá em seu sistema agroecológico e em um projeto de conservação da natureza, pesquisa e educação ambiental.

O website apresenta imagens de alta resolução espacial (Ikonos),utilizadas para identificação e caracterização das áreas das propriedades, e ainda fotos, publicações e informações sobre o projeto Estância Jatobá.

Toda a propriedade adota sistema orgânico de produção e a ferramenta WebGIS, um sistema de informações geográficas utilizado para integrar e disseminar informações georreferenciadas pela Internet , vai
auxiliar na certificação de origem e na rastreabilidade dos produtos.

De acordo com o coordenador do projeto pela Embrapa,o pesquisador João Mangabeira, o WebGIS da Estância Jatobá é um belo exemplo de alta tecnologia de precisão aplicada ao sistemas orgânicos de produção.

“Além de facilitar a gestão da propriedade, esta ferramenta vai permitir a qualquer usuário gerar mapas interativos e indicadores de sustentabilidade da propriedade de modo bem fácil,para os leigos em geoprocessamento, lançando mão dos diversos temas que envolvem a realidade da Estância Jatobá, como a relação área com matas e hidrografia, relação área com mata e área total da propriedade”ressalta Mangabeira.

Fonte : Rede Agroecologia

  
  

Publicado por em