Gastos de turistas estrangeiros geraram o melhor verão do turismo brasileiro

Janeiro de 2006 bateu todos os recordes de entrada de dólares no Brasil com turistas estrangeiros. O Banco Central (BC) informou no dia 21 de fevereiro, que as viagens internacionais ao País no mês passado geraram o ingresso de US$ 402 milhões. Esse n

  
  

Janeiro de 2006 bateu todos os recordes de entrada de dólares no Brasil com turistas estrangeiros. O Banco Central (BC) informou no dia 21 de fevereiro, que as viagens internacionais ao País no mês passado geraram o ingresso de US$ 402 milhões.

Esse número é o maior de todos os tempos numa receita mensal, superando os US$ 360 milhões registrados tanto em agosto como em dezembro do ano passado, um crescimento de 11,16%.

Em relação a janeiro de 2005, quando entraram US$ 341 milhões, o crescimento é ainda mais expressivo: 17,88%. E num espaço de três anos (US$ 194 mi, em 2003), o gasto mais do que duplicou.

Diante dos números, o ministro do Turismo Walfrido dos Mares Guia está confiante no atingimento de metas: “Tenho certeza de que alcançaremos com folga US$ 6,3 bilhões em divisas em 2006”.

Para o diretor de Estudos e Pesquisas da Embratur(Instituto Brasileiro de Turismo), José Francisco de Salles Lopes, o resultado indica o melhor verão do turismo brasileiro da história, além de dar prosseguimento aos bons resultados obtidos em 2005.

Em janeiro deste ano, o gasto dos brasileiros no exterior foi também crescente: US$ 397 milhões, contra US$ 296 milhões em 2005. O saldo do mês, diferença entre o que os estrangeiros gastam com viagens no Brasil e o desembolso de brasileiros no exterior, ficou positivo em US$ 5 milhões no mês.

O cálculo do BC inclui as trocas cambiais oficiais e gastos em cartões de crédito internacional. Posteriormente, a Embratur também divulga seu cálculo de receita gerada pelo turismo internacional, que inclui ainda gastos não-oficiais.

2005 – De acordo com o BC, 2005 fechou com a entrada de US$ 3,861 bilhões pelas mãos dos turistas estrangeiros, 19,83% mais que em 2004 (US$ 3,222 bi). Já os desembarques em vôos internacionais (estrangeiros e brasileiros em retorno ao Brasil) do ano, segundo a Infraero (Empresa Brasileira de Infra-Estrutura Aeroportuária), somaram 6.784.554 desembarques, 10,53% mais que em 2004 (6.138.217).

“Ambos foram números recordes. O dado exato de turistas estrangeiros no Brasil em 2005 será divulgado neste semestre, mas já se pode antecipar que ficará entre 5,4 e 5,5 milhões de visitantes”, comenta Lopes.

Fonte: Embratur

Del Valle Editoria
Contato:vininha@vininha.com

  
  

Publicado por em