Golfe e Resorts são os novos produtos da Embratur

A partir da sexta-feira, dia 28,profissionais do turismo passarão o final de semana conhecendo o potencial que o Brasil tem para receber turistas interessados em jogar golfe e os que procuram por resorts. Este é o projeto Caravana Brasil, criado pela

  
  

A partir da sexta-feira, dia 28,profissionais do turismo passarão o final de semana conhecendo o potencial que o Brasil tem para receber turistas interessados em jogar golfe e os que procuram por resorts.

Este é o projeto Caravana Brasil, criado pela Embratur (Instituto Brasileiro de Turismo) para aproximar operadores que recebem turistas estrangeiros dos produtos que eles vendem.

Na Costa do Sauípe, eles serão recepcionados pela Associação Brasileira de Resorts (Resort Brasil) e pelo Bureau de Golfe e Turismo. Acompanhados de representantes da Secretaria de Turismo da Bahia e operadores receptivos locais, eles conhecerão a infra-estrutura dos resorts, que reúnem lazer para todos os gostos -desde piscinas até karaokê e passeios a cavalo.

Os resorts são empreendimentos de alto padrão em lugares paradisíacos. Só entre aqueles cadastrados na Resort Brasil,já são 23 hotéis. Muitos,oferecem campos de golfe, produto turístico que também será apresentado nessa Caravana.

O território nacional possui campos de altíssima qualidade e- detalhe que faz a diferença - com paisagens de praias, lagos, dunas e falésias ao redor, tornando a atividade ainda mais atraente.

Ainda serão apresentados até o fim do ano três outros produtos,completando onze que a Embratur lançou neste ano como complemento à estratégia de apoio à comercialização do produto turístico brasileiro no mercado internacional.

As expedições têm parceria da Braztoa (Associação Brasileira das Operadoras de Turismo), Bito(Brazilian Incoming Tour Operators), Varig/Tam e Infraero.

A Caravana estreou no final de outubro na Chapada dos Veadeiros e Alto Paraíso (GO), com o lançamento de Turismo de Aventura. Teve sua segunda viagem dedicada ao Ecoturismo, em São Luís, Lençóis Maranhenses (MA), Parnaíba (PI),Camocim e Jericoacoara (CE), seguida do segmento Festas e Eventos, em Parintins,e Pesca, em Manaus (AM).

Conhecendo a infra-estrutura local, os operadores podem incluir estes produtos em suas ofertas, como o que ocorreu com Rosangela Marçal.“Na Caravana pude reavaliar o produto e formatá-lo com uma nova proposta para meus clientes”, disse a operadora da Itaparica Operadora Turística, que tem escritórios em Lisboa (Portugal) e Buenos Aires (Argentina), e fechou pacotes com hotéis e alguns produtos da Chapada dos Veadeiros e Alto Paraíso.

Manaus e Parintins:

Na semana passada, quatorze operadores puderam
conhecer os produtos de Pesca Esportiva, em Manaus, e Festas e Eventos, em Parintins, no estado do Amazonas. Em Parintins, a Embratur apresentou a festa dos Bois Garantido e Caprichoso, um dos dezesseis eventos contemplados no novo material.

Em Manaus, os operadores conheceram a infra-estrutura que a cidade oferece para quem quer praticar a pesca esportiva: barcos e hotéis de selva, entre outros produtos, que garantem uma verdadeira viagem por dentro da selva amazônica.

Para Anselmo Frugoli, da Echo Operadora, o projeto é inovador: `O mais importante é isso que a Embratur faz, lançando os produtos por segmento. É preciso mostrar o Brasil por inteiro`.

Segundo ele, “faz 12 anos que nossa operadora acompanha a Embratur é a primeira vez que nos chamam para participar. Esse é o grande diferencial hoje”.

Já Cláudia Duarte, da Blumar Turismo, que também acompanhou a Caravana Brasil diz que para o seu trabalho é preciso conhecer novos produtos.

`O turista vem uma vez para o Brasil e depois quer voltar, e conhecer outras coisas. É importante a Embratur coordenar este trabalho, até para ter controle sobre o desenvolvimento de cada destino.”

Fonte: Assessoria de Comunicação da Embratur

  
  

Publicado por em