Lula abre Destinations2004 destacando potencial transformador do turismo

O presidente participou da abertura do primeiro Encontro Anual do Fórum Mundial de Turismo para Paz e Desenvolvimento Sustentável, que acontece de 1 a 6 de dezembro, em Salvador. Em mensagem aos participantes do evento, o secretário-geral da ONU, Kofi Ann

  
  

O presidente participou da abertura do primeiro Encontro Anual do Fórum Mundial de Turismo para Paz e Desenvolvimento Sustentável, que acontece de 1 a 6 de dezembro, em Salvador. Em mensagem aos participantes do evento, o secretário-geral da ONU, Kofi Annan, afirmou que o turismo pode desempenhar papel fundamental na redução da pobreza.

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva abriu o primeiro Encontro Anual do Fórum Mundial de Turismo para Paz e Desenvolvimento Sustentável na manhã desta quarta-feira, dia 1 de dezembro, afirmando que “o mundo precisa descobrir tudo o que o turismo pode fazer por nós”.

Na cerimônia, que aconteceu no Teatro Castro Alves, em Salvador, o presidente destacou que o turismo será uma grande fonte de crescimento para o Brasil, mas é preciso investir no profissionalismo.

“Não poderia existir lugar melhor para sediar este primeiro encontro do que a Bahia, onde o povo conseguiu transformar a ‘baianidade’ em atração turística”.

A cerimônia reuniu dezenas de autoridades e personalidades brasileiras e internacionais e contou com a apresentação de cerca de 270 artistas em shows e demonstrações culturais. A recepção foi feita pela Orquestra de Berimbaus da Bahia e pela Orquestra Sinfônica da Bahia.

“Este encontro marca o primeiro aniversário em prol de uma causa. Aqui processaremos a primeira colheita dos frutos deste movimento, e iniciaremos uma nova semeadura”, disse Sergio Foguel, presidente do Instituto de Hospitalidade, parceiro executivo do Fórum Mundial de Turismo.

Na extensa lista de personalidades presentes ao evento estão o secretário-geral da OMT (Organização Mundial do Turismo),Francesco Frangialli; os ministro do Turismo, Walfrido dos Mares Guia; da Cultura, Gilberto Gil; e do Meio Ambiente, Marina Silva; e os governadores da Bahia, Paulo Souto, e de Alagoas, Ronaldo Lessa.

Durante a cerimônia, o representante da ONU no Brasil, Carlos Lopes, transmitiu uma mensagem enviada por Kofi Annan, ecretário-geral das Nações Organizações Unidas.

“O turismo pode desempenhar um papel fundamental na redução da pobreza, pois é uma atividade que gera milhares de empregos. Alguns desses postos de trabalho são para pessoas altamente qualificadas, mas outros contemplam aqueles que não têm muita qualificação”, afirmou Kofi Annan em sua mensagem.

Annan disse ainda que o turismo precisa ser gerenciado com cuidado, de modo a beneficiar a população local e não destruir os recursos naturais.

O ministro Walfrido dos Mares Guia enfatizou a missão do Fórum Mundial de Turismo, que busca utilizar o potencial transformador do turismo para promover a mudança de destinos de pessoas, comunidades e nações.

“Hoje, essa iniciativa, que utiliza o turismo como ferramenta para promoção do desenvolvimento, apresenta seus primeiros frutos”.

Também compareceram ao Teatro Castro Alves vários dos palestrantes de 23 países, que apresentarão 39 casos e experiências relacionados ao turismo sustentável durante os seis dias do Encontro Anual do Fórum.No total, representantes de quase 60 países estão em Salvador para participar dos vários eventos ligados ao Encontro Anual.

O que é o Fórum Mundial de Turismo para Paz e Desenvolvimento Sustentável?

O Fórum é um movimento contínuo e permanente que procura envolver instituições e indivíduos de todo o mundo em torno de uma causa: desenvolver o turismo promovendo condições para paz, o desenvolvimento econômico e social, a diversidade cultural e a preservação da biodiversidade.

Através do turismo, o Fórum pretende estimular a geração de novas oportunidades de trabalho e renda – particularmente em países em desenvolvimento – contribuindo para as metas de inclusão social e de diminuição da pobreza estabelecidas pela ONU.

O Destinations2004 – primeiro Encontro Anual do Fórum Mundial de Turismo para Paz e Desenvolvimento Sustentável é uma das três vertentes do Fórum Mundial de Turismo, identificado pela marca Destinations.

As outras duas são uma “Rede de Redes”, que a partir de 2005 englobará cinco redes temáticas sediadas em diferentes continentes, e “Projetos Demonstrativos”, que colocam em prática os conceitos e ideais do Fórum, e podem ser realizados em qualquer parte do mundo.

O Fórum é uma iniciativa conjunta de três órgãos da ONU: a OMT - Organização Mundial do Turismo, da Unesco - Organização das Nações Unidas para a Educação, Ciência e Cultura, e do PNUD - Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento.Também são co-organizadores o Governo do Brasil, representado pelo Ministério do Turismo, e a Fundação Turismo para Paz e Desenvolvimento Sustentável, uma entidade sem fins lucrativos criada para coordenar o movimento.O parceiro executivo é o Instituto de Hospitalidade, entidade com sede em Salvador que atua desde 1997 nas áreas de educação, trabalho, cultura, meio ambiente e turismo.

Fonte: MVL Comunicação

  
  

Publicado por em