O Brasil está desenvolvendo referências para práticas sustentáveis para o turismo

Dê a sua contribuição na consulta pública da norma de requisitos de sustentabilidade para meios de hospedagem, que está sendo efetuada de 10 de Dezembro de 2003 a 10 de Fevereiro de 2004. O texto está disponível no site, onde podem ser feitos os comentári

  
  

Dê a sua contribuição na consulta pública da norma de requisitos de sustentabilidade para meios de hospedagem, que está sendo efetuada de 10 de Dezembro de 2003 a 10 de Fevereiro de 2004. O texto está disponível no site, onde podem ser feitos os comentários e sugestões.

O Programa de Certificação em Turismo Sustentável PCTS é uma iniciativa nacional com apoio do BID e APEX e execução pelo Instituto de Hospitalidade, IH, que tem como objetivo melhorar a qualidade e competitividade do setor do turismo no Brasil. O PCTS é desenvolvido em parceria com o Conselho Brasileiro de Turismo Sustentável
e do Governo Federal e das principais entidades do setor de turismo.

O PCTS envolve diversas atividades e ações, dentre as quais o desenvolvimento da norma de requisitos de sustentabilidade para meios de hospedagem.

A consulta pública é uma etapa importante do processo de elaboração destas normas que estabelecerão os requisitos aplicáveis aos empreendimentos em relação ao Turismo Sustentável e que serão utilizadas como a referência para a certificação.

A metodologia adotada para o desenvolvimento das normas do PCTS envolve ampla participação dos atores-chave do setor em todas as etapas do Programa, buscando assim o seu envolvimento, aportando conhecimentos e experiências, na elaboração e na sua validação.

A metodologia compreende, basicamente, as três etapas a seguir:

1. Discussão em oficinas de trabalho regionais (já realizadas)

2. Validação por consulta a grupo de especialistas (já realizada)

3. Consulta pública (etapa atual)

Todo o processo de desenvolvimento das normas é conduzido pela Comissão Técnica de Normas, composta por representantes das partes interessadas (entidades empresariais, organizações sociais e dos trabalhadores,
organizações ambientalistas, organizações do mundo da educação e academia, entidades de fomento e representantes do Governo), que se reporta ao Comitê Diretor do Programa e que conta com uma composição análoga.

Concluída a fase piloto do Programa, esta norma será submetida à Associação Brasileira de Normas Técnicas,ABNT,para se converterem em Normas Brasileiras.

Fonte: PCTS / CBTS

  
  

Publicado por em