O Chile é o segundo país sul-americano mais visitado pelos brasileiros

Os workshops realizados pela Corporação de Promoção Turística (CPT) do Chile em São Paulo, Porto Alegre e no Rio de Janeiro reuniram mais de 800 agentes e operadores de viagens. Durante os eventos, 28 empresas chilenas tiveram a oportunidade de aprese

  
  

Os workshops realizados pela Corporação de Promoção Turística (CPT) do Chile em São Paulo, Porto Alegre e no Rio de Janeiro reuniram mais de 800 agentes e operadores de viagens.

Durante os eventos, 28 empresas chilenas tiveram a oportunidade de apresentar seus produtos e serviços ao mercado brasileiro.

“De 2004 para 2005 registramos um crescimento de 40% no número de brasileiros que visitaram nosso país. Este ano, com todos os investimentos e ações que estão sendo feitos, nossa expectativa é de que o aumento seja de mais 10%”, explica Karin Hayes, gerente de comunicação e marketing da CPT.

O Chile é o segundo país sul-americano mais visitado pelos brasileiros, perdendo apenas para a Argentina. Seus destinos mais populares são a região dos Lagos e Vulcões, Santiago, Viña del Mar e Valparaíso, além das estações de esqui Portillo, Valle Nevado, Chillán e Pucón. Porém o Deserto do Atacama e a Patagônia também começam a destacar-se.

De modo geral, todos estes locais oferecem inúmeras opções aos turistas, que vão de belos lodges como o Terrantai (San Pedro de Atacama) até hotéis cinco estrelas como o Puyehue (Parque Nacional Puyehue) e Remota (Puerto Natales), passando por excelentes restaurantes.

Há ainda embarcações que navegam pelo Estreito de Magalhães (Mare Australis, Via Australis e Skorpios), pelos fiordes que vão de Puerto Montt até Puerto Natales (Navimag y Catamaranes del Sur) e pelos Lagos Andinos (Cruce de Lagos).

Entre os locais ainda desconhecidos, mas que também merecem atenção, estão Coihaique, na Patagônia Norte, onde fica o charmoso lodge Terra Luna, e San Felipe, a 1h30 de Santiago, onde há o Hotel & Spa Termas de Jahuel. Outra novidade é a Rota do Vinho do Vale de Colchagua, que inclui um passeio de trem pelas plantações e hospedagem no Hotel Santa Cruz.

Os turistas contam ainda com operadores especializados em turismo de aventura. Destaque para a americana Abercrombie & Kent, que recentemente iniciou suas operações no Chile, e a Azimut 360.

Sobre a CPT

A Corporação de Promoção Turística do Chile é uma entidade público-privada sem fins lucrativos, que tem como finalidade o desenho e a execução de estratégias de divulgação do país no exterior.

Dela fazem parte o Serviço Nacional de Turismo (Sernatur), 121 empresas associadas e ainda 600 sócios indiretos, representados por câmaras de comércio, corporações, administrações municipais e associações.

Fonte: AD Comunicação & Marketing

Del Valle Editoria
Contato: vininha@vininha.com

  
  

Publicado por em