Pesquisa aponta importância do agente de viagens

Uma pesquisa realizada recentemente nos Estados Unidos revela que 7 entre 10 americanos adultos (68%) sentem-se mais confortáveis fazendo reservas de viagens com agentes de viagens tradicionais, principalmente para o lazer. De acordo com a pesquisa, u

  
  

Uma pesquisa realizada recentemente nos Estados Unidos revela que 7 entre 10 americanos adultos (68%) sentem-se mais confortáveis fazendo reservas de viagens com agentes de viagens tradicionais, principalmente para o lazer.

De acordo com a pesquisa, uma vantagem é quando um agente faz perguntas de forma a melhor entender as necessidades de um viajante (53%) e sua disposição para encontrar itinerários que mais se adaptam as suas necessidades (52%).

O estudo também revela outro dado interessante 49% dos adultos americanos consideraram a capacidade que um agente tem para criar itinerários complexos, difíceis de se reservar on line, como outro fator preponderante no nível de conforto.

Entre os americanos, é comum o desejo de visitar múltiplos destinos, chegar e sair de diferentes localidades, ou a necessidade de itens especiais em um hotel.

Outro apontamento é com relação ao atendimento personalizado. 65% dos entrevistados declararam a opção de sentar-se pessoalmente com alguém para discutir os planos da viagem como “item obrigatório” numa reserva para férias.

O quesito atendimento também aparece em outras preferências, dentre elas a facilidade para fechar pacotes já incluindo aéreo, hospedagem e aluguel de carro (76%), acesso a vôo em tempo real e informação de hotel (73%) e o conhecimento avançado sobre vários destinos (70%).

Para o presidente da ABAV-PR, Joel Duarte, a pesquisa comprova o que o mercado vem sentindo nos últimos anos, ou seja, a mudança do papel do agente de viagens.

Dentro do novo perfil, Duarte declara que o profissional passará a realizar menos funções operacionais e passará a desenvolver, cada vez mais, funções intelectuais, de consultor.

Fonte: Alléttera Comunicação

  
  

Publicado por em