Recife vai capactar 2,3 mil profissionais para receber turistas

A Prefeitura do Recife vai treinar 3,2 mil profissionais para atender turistas. A proposta é melhorar a qualidade das atividades de hospitalidade e prestação de serviços turísticos. Com recursos de R$ 625 mil, provenientes do Ministério do Turismo e d

  
  

A Prefeitura do Recife vai treinar 3,2 mil profissionais para atender turistas. A proposta é melhorar a qualidade das atividades de hospitalidade e prestação de serviços turísticos.

Com recursos de R$ 625 mil, provenientes do Ministério do Turismo e da Fundação Banco do Brasil, o projeto vai capacitar sete categorias, entre as quais a dos motoristas de táxis.

`Essa atualização é muito importante para nós, taxistas, porque fazemos o primeiro contato com o turista que chega ao Recife`, afirma o presidente da Coopseta, Adauto Paes Barreto.

Além dos taxistas serão capacitados, 100 guardas municipais, 60 barraqueiros de coco, 100 guias turísticos, 100 artesãos e 400 locatários do Mercado São José.

Também foram disponibilizadas 450 vagas para profissionais que trabalham em bares, restaurantes, pousadas e hotéis. A qualificação terá 60 horas/aula e será dividida em três módulos de 20 horas/aula cada.

O primeiro, que acontece a partir da segunda-feira (17/7) vai até 1º de setembro, aborda a hospitalidade. O segundo, marcado para 11 de setembro a 27 de outubro, terá como tema o perfil histórico do município. No terceiro, de 30 de outubro a 15 de dezembro, os alunos farão um city tour.

Na primeira etapa serão capacitados 1,6 mil profissionais. O restante terá aulas no primeiro semestre de 2007. Segundo o prefeito do Recife, João Paulo, a ação é significativa porque vai melhorar a qualidade dos serviços turísticos.

`Esses profissionais vão aprender como abordar melhor o visitante e como repassar informações sobre a história e a cultura locais`, disse. O prefeito do Recife acredita que turista bem atendido sempre volta.

Ele diz que outra frente de trabalho é a recuperação de equipamentos, como parques e praças, e o investimento em ações culturais. `Também estamos cuidando das pessoas investindo em saneamento, nos morros, na saúde`, acrescentou.

Todos os profissionais que vão participar do curso foram selecionados pela prefeitura a partir das cooperativas e formarão 62 turmas. Em 2005, Pernambuco recebeu cerca de 3,5 milhões de turistas, sendo que a capital deve ter abrigado algo em torno de 2,1 milhões de pessoas.

Fonte: Oficina do Conteúdo

Del Valle Editoria
Contato: vininha@vininha.com

  
  

Publicado por em