Seminário em Portugal deve alavancar vendas de charter para o Maranhão

O Maranhão está entrando na rota do turismo português: a partir de 25 de julho, iniciam as operações do vôo charter entre Lisboa (Portugal) e São Luiz, primeiro originário da Europa para o Estado. Para divulgar o novo roteiro, o Ministério do Turismo,

  
  

O Maranhão está entrando na rota do turismo português: a partir de 25 de julho, iniciam as operações do vôo charter entre Lisboa (Portugal) e São Luiz, primeiro originário da Europa para o Estado.

Para divulgar o novo roteiro, o Ministério do Turismo, por meio da Embratur (Instituto Brasileiro de Turismo) e de seu EBT (Escritório Brasileiro de Turismo) em Portugal, realizou no último dia 11, na cidade do Porto, e no dia 06, em Lisboa, o seminário Descubra o Brasil.

Ao todo, cerca de 530 agentes de viagens compareceram aos encontros, demonstrando grande interesse no novo destino.

A apresentação, que contou também com dados e roteiros gerais do Brasil, teve um foco especial no Maranhão por conta do charter. Trabalhado pelas operadoras de turismo portuguesas TerraBrasil, Club 1840 e Mundovip, o vôo terá saída semanal (toda terça-feira) até o dia 12 de setembro , o inaugural já está praticamente lotado.

“Os agentes de viagem portugueses, a partir deste seminário, passaram a contar com um importante instrumento de vendas e informações sobre o destino, apresentado pelos operadores portugueses como uma novidade para o verão 2006”, disse Carlos Martins, diretor de Marketing da secretaria de Turismo do Maranhão.

A consultora do EBT Portugal, Neila Araújo, explica que a ação faz parte da política da Embratur de ampliar e diversificar a oferta de destinos e produtos turísticos brasileiros no exterior.

“O português é um turista experiente em Brasil porque já viaja muito para lá. Por isso, a demanda por opções novas é grande”, comenta. Houve ainda preocupação em ampliar mercado dentro do próprio país, agendando uma apresentação no Porto.

“O seminário abrangeu uma importante parcela de profissionais portugueses, apresentando não somente o Maranhão, mas o Brasil como um todo”, completa.

Conhecido principalmente pelo Parque Nacional dos Lençóis, onde dunas e lagos se encontram, o Maranhão soma ao segmento Sol e Praia, preferido entre os turistas portugueses, o Ecoturismo, turismo de Aventura e o turismo Cultural e Religioso.

Dentro da política da Embratur de aumento de ligações aéreas entre o Brasil e o mundo, o Estado contou, em 2005, com R$ 276 mil do Instituto para efetivação dessa operação, por meio de seu programa de verba descentralizada de promoção internacional para as 27 unidades da Federação.

Com o novo charter, Portugal passa a ter 13 fretamentos semanais para o Brasil. Em termos de freqüências regulares, apenas a TAP oferece 47 ligações por semana. Assim, a prateleira de destinos brasileiros no país conta com Rio de Janeiro (RJ), São Paulo (SP), Salvador (BA), Fortaleza (CE), Recife (PE), Natal (RN), Maceió (AL) e São Luiz. Sendo os dois últimos, apenas charters. Portugal é o principal emissor de turistas para o Brasil na Europa e o terceiro no mundo. Em 2005, os portugueses somaram 357.640 visitantes.

E o Brasil passou a ser tão estratégico para a TAP que, pela primeira vez em 28 anos, a companhia aérea portuguesa enfocou o País em seu tradicional evento TAP Grill Fest na Alemanha.

Pegando carona na popularidade verde-amarela por lá, a empresa aproveitou os últimos dias da Copa do Mundo e realizou uma apresentação especial do Brasil para os principais profissionais de turismo da região de Hessen.

Com apoio do EBT para Alemanha e Escandinávia, o evento foi na última sexta-feira, dia 07. A Alemanha é o segundo maior mercado emissor de turistas da Europa para o Brasil (308.598 visitantes, em 2005).

Fonte: Embratur

Del Valle Editoria
Contato: vininha@vininha.com

  
  

Publicado por em