Seminário sobre Convênios promoveu `auditoria preventiva` na Embratur

Atendendo a uma orientação do Tribunal de Contas da União (TCU) como forma de prevenir irregularidades na administração pública, a Emvratur (Instituto Brasileiro de Turismo) promoveu, entre os dias 18 e 20, a terceira edição do `Seminário sobre Convênios`

  
  

Atendendo a uma orientação do Tribunal de Contas da União (TCU) como forma de prevenir irregularidades na administração pública, a Emvratur (Instituto Brasileiro de Turismo) promoveu, entre os dias 18 e 20, a terceira edição do `Seminário sobre Convênios`, dirigido a funcionários do órgão e entidades parceiras.

A novidade ficou por conta do tema `Instrução de Processos` , envolve a montagem física e a tramitação dos documentos públicos em acordo com as normas em vigor , discutido no primeiro dia.

Nos dias 19 e 20, o treinamento foi dedicado a detalhar a realização de convênios entre o Instituto e outros órgãos públicos ou entidades privadas sem fins lucrativos. Foram explicados detalhes que vão desde a formalização desse acordo até a prestação final de contas. A média diária de público foi de 70 pessoas.

`O estabelecimento de convênios requer muita atenção para que não se incorra em erros ou imprecisões que depois acabam prejudicando às partes e ao próprio interesse público. Encaro essa iniciativa como uma auditoria preventiva, já que ao orientar evitamos muitos problemas identificados posteriormente e que acabam anulando todo um bom trabalho`, afirma Nadja Lordêlo, auditora interna da Embratur e uma das palestrantes.

`Já consolidarmos a avaliação do seminário e obtivemos um resultado muito positivo. Quase a totalidade dos participantes o avaliaram como ótimo/bom, apesar da heterogeneidade do grupo`, completa.

Falando aos participantes durante o encerramento do curso, o presidente da Embratur, Eduardo Sanovicz, lembrou os números recordes do turismo brasileiro em 2005 e ressaltou a importância dos convênios para a obtenção desses resultados.

`Muito do que a gente faz é viabilizado por meio deles. Tivemos uma grande redução no número de problemas técnicos e legais graças a esse trabalho preventivo e, como conseqüência, ajudamos ao turismo nacional e à própria economia do País. Agora é importante que seja multiplicado no ambiente de trabalho de cada um para que ampliemos ainda mais o alcance do curso`.

`Foi uma oportunidade extremamente valiosa`, avaliou Solange Baptista, gerente do BIC (Brazil Information Center), entidade com sede em Washington (Estados Unidos).

`Destaco a importância do conteúdo e a maneira como foram abordadas todas as questões, proporcionando aos participantes um ambiente favorável ao conhecimento da matéria. A partir de agora, tenho certeza que muitas de nossas novas dúvidas poderão ser esclarecidas de maneira ainda mais precisa`, diz.

`Como parceiro da Embratur, o BIC procura desempenhar suas funções de forma a atender as expectativas, sempre no intuito de divulgar o Brasil como destino turístico junto aos norte-americanos e canadenses`.

Márcio Santiago de Oliveira, presidente da Federação de Convention & Visitors Bureaux do Estado de São Paulo destacou o trabalho dos palestrantes escolhidos. `Fiquei surpreso com a sua capacidade, didática e simpatia`.

`Creio que vamos poder eliminar muitos problemas antes que eles surjam`, avalia a diretora de administração da Exata Consultoria Hoteleira, Luciene Garcia.

`Além disso, é importante estar sempre se reciclando em cursos como esse, especialmente em uma área em que as normas estão em constante revisão`, completa.

Fonte: Embratur

Del Valle Editoria
Contato: vininha@vininha.com

  
  

Publicado por em