Turistas estrangeiros aumentam 18% em Foz do Iguaçu em janeiro

O número de turistas estrangeiros no Parque Nacional do Iguaçu (PR) teve, em janeiro de 2005, um aumento de cerca de 18% em relação ao mesmo período do ano passado. De acordo com a administração do parque, em janeiro de 2004 estiveram lá 54.304 estrangeir

  
  

O número de turistas estrangeiros no Parque Nacional do Iguaçu (PR) teve, em janeiro de 2005, um aumento de cerca de 18% em relação ao mesmo período do ano passado. De acordo com a administração do parque, em janeiro de 2004 estiveram lá 54.304 estrangeiros; no mês passado, 64.069.

Já o total de turistas, incluindo os brasileiros, teve um crescimento de 25%, passando de 115.915 para 144.992 no primeiro mês do ano.

O país que mais envia visitantes ao parque é a Argentina. No mês passado, foram 18.974 turistas argentinos, seguidos pelos paraguaios, que somaram 7.647. Vieram ainda turistas do Chile, Estados Unidos, Itália, Espanha, Alemanha, França, Inglaterra, Colômbia, México, Japão e China.

Foz do Iguaçu, de acordo com o Estudo da Demanda Turística Internacional da Embratur (Instituto Brasileiro de Turismo), é a sexta cidade no País mais visitada por turistas estrangeiros, atrás apenas do Rio de Janeiro (RJ), São Paulo (SP), Salvador (BA), Fortaleza(CE) e Recife (PE).

O diretor de Estudos e Pesquisas da Embratur, José Francisco de Salles Lopes, considera esse crescimento uma conseqüência direta do trabalho de promoção do Brasil no exterior, elaborado a partir do Plano Nacional de Turismo.

“A grande surpresa ficou por conta do aparecimento, pela primeira vez entre os 15 maiores países visitantes, da Coréia do Sul e da Austrália, com 907 e 983 visitantes respectivamente”, disse.

Eventos Internacionais :

A cidade de Foz do Iguaçu, além de suas belezas naturais, conta também com uma grande estrutura para realização de eventos e feiras, que atrai muitos turistas de negócios para a região durante o ano todo.

De 3 a 6 de outubro deste ano, a cidade irá abrigar o seminário da OMT (Organização Mundial de Turismo): La cuenta satélite de turismo (CST): Comprender el turismo y diseñar estrategias – (Brasil/ Argentina/ Paraguay).

O evento acontece também na Argentina e Paraguai e foi captado para a Tríplice Fronteira por iniciativa do Ministério do Turismo do Brasil, em acordo com o governo da Argentina e do Paraguai. A maior parte do seminário acontece no lado brasileiro e praticamente todos os participantes ficarão hospedados em Foz do Iguaçu.

Nesta semana, a chefe do Departamento de Eventos da OMT, Dominique Bernadet, veio de Madri (Espanha) para visitar instalações em Foz do Iguaçu (Brasil), Puerto Iguazú (Argentina) e Ciudad del´Este (Paraguai).

Representantes do Ministério do Turismo do Brasil, da Embratur e do Governo do Estado do Paraná acompanharam a visita. Também estiveram presentes representantes da Secretaria de Turismo da Argentina.

Em Foz, a comitiva inspecionou o Centro de Convenções e quatro outros hotéis que dispõe de Centros de Convenções além de fazer visitas técnicas na Usina de Itaipu, incluindo o Ecomuseu, no Parque das Aves e no Parque Nacional do Iguaçu.

Fonte: Assessoria de Comunicação da Embratur

  
  

Publicado por em