Walfrido e Sanovicz são os primeiros a receber prêmio criado pela BITO

O ministro do Turismo Walfrido dos Mares Guia e o presidente da EMBRATUR (Instituto Brasileiro de Turismo), Eduardo Sanovicz, foram os primeiros contemplados com o prêmio “Carlo Gherardi de Turismo Receptivo”, criado neste ano pela BITO (Brazilian Incomin

  
  

O ministro do Turismo Walfrido dos Mares Guia e o presidente da EMBRATUR (Instituto Brasileiro de Turismo), Eduardo Sanovicz, foram os primeiros contemplados com o prêmio “Carlo Gherardi de Turismo Receptivo”, criado neste ano pela BITO (Brazilian Incoming Travel Organization).

O lançamento do prêmio e a homenagem foram realizadas na última quinta-feira, dia 15, durante o almoço de confraternização da entidade, no Rio de Janeiro (RJ). O ministro, que não pôde estar presente, foi representado por Sanovicz.

Segundo o presidente da BITO, Roberto Dultra, essa é uma justa homenagem que estava para ser feita há algum tempo.

“Estas pessoas representam muito para o turismo receptivo, pois estão contribuindo com muita seriedade e engajamento para o crescimento deste segmento tão importante para o Brasil”, afirmou durante a cerimônia.

“É preciso ressaltar que os bons resultados que o turismo internacional vem conseguindo no Brasil apenas são possíveis a partir da parceria entre iniciativa privada e setor público”, avaliou Sanovicz.

Desde a criação do Ministério do Turismo em 2003, a EMBRATUR passou a cuidar exclusivamente da promoção, marketing e apoio à comercialização do destino Brasil no exterior.

O prêmio era um projeto antigo da BITO, que, segundo a entidade, “não quer fazer dele uma homenagem política e sim justa àqueles que contribuem para o crescimento do turismo receptivo brasileiro”.

A escolha de Carlo Gherardi para levar o nome do prêmio teve aprovação unânime do conselho da entidade. Gherardi milita nesse segmento há mais de 40 anos e foi um dos fundadores da BITO.

A partir de agora, no mês de outubro de cada ano os associados indicarão nomes, justificando suas escolhas. A segunda etapa do processo será a votação dos indicados pelos associados, que terão 15 dias para apresentar seus votos. O vencedor será aquele que alcançar mais de 51% de aceitação.

Fonte: EMBRATUR

  
  

Publicado por em