EcoViagem participa de palestra da SOS Mata Atlântica

O EcoViagem participou da palestra ministrada por Mário Mantovani, diretor institucional da Fundação SOS Mata Atlântica, na qual foram debatidas questões referentes à nova publicação da SOS, o “Atlas dos Municípios: Estratégia de Uso e Proteção da Mata At

  
  

O EcoViagem participou da palestra ministrada por Mário Mantovani, diretor institucional da Fundação SOS Mata Atlântica, na qual foram debatidas questões referentes à nova publicação da SOS, o “Atlas dos Municípios: Estratégia de Uso e Proteção da Mata Atlântica”.

À esquerda, mapa mostra área original da Mata Atlântica. À direita, a situação atual.

A publicação fez levantamentos preocupantes em diversas cidades brasileiras, cujo resultado indica a Mata Atlântica como uma das florestas tropicais mais devastadas do mundo, restando hoje apenas 7% de sua porção original. Revela ainda a atual situação desta floresta em 2.815 municípios, além de fornecer um ranking das cidades que mais preservam sua vegetação nativa.

Segundo a fundação, o Atlas tem como objetivo servir não só como instrumento de monitoramento, mas também como uma forma de incentivar a população e gestores locais a se organizarem e exigirem maiores ações por parte do governo, a partir dos dados levantados.

Ao final da palestra, o EcoViagem comentou sobre a importância de uma divulgação do Atlas vinculada ao ecoturismo. A idéia foi bem aceita por Mantovani e, em breve, os guias de ecoturismo do EcoViagem contarão com os mapas do Atlas, levando a conscientização também para os turistas no momento em que estão planejando suas viagens através do Portal.

  
  

Publicado por em