Embratur completa 40 anos resgatando a história do turismo

Uma noite de boas lembranças e muita comemoração. Assim foi a festa dos 40 anos da EMBRATUR (Instituto Brasileiro de Turismo), unidade do Ministério do Turismo responsável pela promoção do Destino Brasil no exterior, q

  
  

Uma noite de boas lembranças e muita comemoração. Assim foi a festa dos 40 anos da EMBRATUR (Instituto Brasileiro de Turismo), unidade do Ministério do Turismo responsável pela promoção do Destino Brasil no exterior, que reuniu mais de 600 pessoas na noite do dia 22 de novembro, no hotel Blue Tree, em Brasília (DF).

A presidente da EMBRATUR, Jeanine Pires, saudou todos os convidados, entre eles os ministros do Turismo, Walfrido dos Mares Guia, e dos Esportes, Orlando Silva. Em especial, parabenizou os 10 ex-presidentes do Instituto, também presentes.

“Conseguimos reunir pessoas que fizeram parte da história do turismo e também deste País”, disse a presidente.

Ela ressaltou ainda o papel dos funcionários da EMBRATUR nas realizações da entidade. “A história do turismo de um País não se faz em um, dez ou quinze anos. Por isso deixo aqui minha homenagem a todas essas pessoas que contribuíram e ainda contribuem para o desenvolvimento da atividade no Brasil”. Jeanine é a 16ª presidente da EMBRATUR e a primeira mulher à sua frente.

Pouco antes da festa, Jeanine convidou os ex-presidentes a visitar a exposição “40 anos Embratur: Um passeio pela história do turismo no Brasil”, que faz parte dos eventos comemorativos do aniversário da entidade.

Acompanhada dos ministros e dos ex-presidentes, destacou que esta foi a primeira oportunidade em que todo o acervo iconográfico do setor aparece recuperado e organizado, década a década.

“Hoje é dia de celebrar a história, a memória e o que há de mais importante na EMBRATUR, que é a equipe”, disse Eduardo Sanovicz, antecessor de Jeanine à frente da entidade. Itinerante, a exposição já passou por São Paulo (SP) e Rio de Janeiro (RJ).

De Brasília, segue para Porto Alegre (RS), Salvador (BA) e Recife (PE). O seminário “O impacto do turismo na economia” também integra a exposição em todas as capitais.

Turismo como vetor econômico :

O ministro Mares Guia salientou a importância do turismo para a economia de um país. “Há 55 anos, apenas 25 milhões de pessoas viajavam pelo mundo. Hoje, esse número chega a 808 milhões”, disse.

Segundo ele, o turismo movimenta 10% do PIB mundial. No Brasil, representa algo em torno de 3,5%. “Temos potencial para atingir essa média”, afirmou. O ministro informou, ainda, que o orçamento previsto para o ministério, nos próximos quatro anos, é de R$ 6 bilhões a R$ 7 bilhões.

Mares Guia também fez questão de homenagear os ex-presidentes da EMBRATUR e convidou Caio Luiz de Carvalho, presidente entre 1995 e 2002 e também ex-ministro do então Ministério do Esporte e Turismo, para falar em nome do grupo.

“O que Jeanine fez hoje, reunindo todas essas pessoas, funcionários, presidentes e demais autoridades do turismo, é um mérito a ser lembrado”, disse.

Estiveram presentes, do Minitério do Turismo, o secretário-executivo, Márcio Favilla, a secretária nacional de Programas de Desenvolvimento do Turismo, Maria Luisa Leal; o secretário nacional de Políticas do Turismo, Airton Pereira, entre outros representantes, assim como toda a diretoria e funcionários da EMBRATUR.

Também compareceram o presidente da ANAC (Agência Nacional de Aviação Civil), Milton Zuanazzi; o presidente do Fórum Nacional dos Secretários e Dirigentes Estaduais de Turismo, Marcelo Sáfadi; a secretária de Turismo do Distrito Federal, Lúcia Flecha de Lima, acompanhada de seu marido, o embaixador Paulo Tarso Flecha de Lima; dentre diversas autoridades, como deputados, secretários de Turismo e representantes de entidades do setor.

A EMBRATUR :

Criada em novembro de 1966, no Rio de Janeiro, sob o nome de Empresa Brasileira de Turismo, a EMBRATUR surgiu com o objetivo de ser o órgão oficial do turismo brasileiro. Em 28 de março de 1991, passou a ser considerada autarquia especial, ganhando a condição de Instituto vinculado à Secretaria de Desenvolvimento Regional da Presidência da República.

Àquela época, a EMBRATUR era responsável pelas políticas públicas do turismo, com atribuições que iam desde cadastramento de guias, qualificação de hotéis até a promoção dos destinos brasileiros interna e externamente. Com a elaboração do Plano Nacional de Turismo e a criação de um ministério exclusivo para o setor, a Embratur passou a ser, desde 2003, a grande agência de marketing internacional do Destino Brasil.

Ex-presidentes presentes à festa de 40 anos da EMBRATUR, por período de gestão

1971: Carlos Alberto Andrade Pinto
1972 a 1975: Paulo Manoel Protássio
1986 a 1988: João Dória Junior
1988 a 1989: Pedro Grossi Junior
1990 a 1992: Ronaldo do Monte Rosa
1992 a 1993: Lúcio Bello de Almeida Neves
1995 a 2002: Caio Luiz de Carvalho
1994 a 1995: Flávio José Almeida Coelho
2002 a 2003: Luiz Otávio Caldeira Paiva
2003 a 2006: Eduardo Sanovicz

Fonte: Embratur

Del Valle Editoria
Contato: vininha@vininha.com

  
  

Publicado por em