ABAV 2010 será vitrine de novos roteiros brasileiros

Secretarias e empresas de promoção turísticas se empenham para levar para o Rio o que há de melhor no turismo nacional

  
  

Imagine estar em meio a diversidade da floresta amazônica e de repente se encontrar em Brasília, no período da construção da capital federal, ou se deparar com a Ponte Estaiada de São Paulo. Tudo isso estará no mesmo lugar durante a Feira das Américas – ABAV 2010, no período de 20 a 22 de outubro, no Riocentro, no Rio de Janeiro. Considerado o maior evento de turismo do continente americano, reunindo 24 mil profissionais do setor do Brasil e do mundo, a feira apresentará o melhor dos destinos nacionais. Cada qual levando uma atração diferenciada para atrair a atenção de agentes de viagens e operadores.

Secretarias e empresas oficiais de turismo de estados, Distrito Federal e municípios aproveitarão a oportunidade para lançar materiais promocionais novos e 29% dos expositores do Pavilhão Brasil lançarão no mercado de viagens roteiros inéditos. Estandes cenográficos, atrações musicais, artesanato e as mais variadas comidas típicas serão utilizados para promover as potencialidades turísticas de Norte a Sul do País.

Somente a Bahia lançará 18 novos roteiros A Secretaria de Turismo do Estado do Maranhão apresentará três novos pólos turísticos: Serra Guajajara, Timbira e Kanela, caracterizado pelas serras maranhenses e a existência indígenas que ainda habitam o estado; o Pólo Munim do corredor turístico São Luís – Lençóis, onde se destacam rios, pequenas cascatas e uma grande diversidade cultural; e a Amazônia Maranhense, que apresenta o lado amazônico do Maranhão.

A Secretaria de Esporte Lazer e Turismo de São Paulo, entre outras atrações, trará como destaque a reativação do Expresso Turístico percurso de 47 quilômetros, da Estação da Luz com destino a Paranapiacaba, e o Circuito das Frutas, uma região compreendida por nove municípios circunvizinhos (Indaiatuba, Itatiba, Itupeva, Jarinu , Jundiaí, Louveira, Morungaba, Valinhos e Vinhedo) que tem nas suas economias uma forte presença do setor rural, principalmente da fruticultura, reunindo atrações como fazendas centenárias e sítios históricos.

Cartões postais em cenografias

No estande da Amazonastur uma árvore trará como frutos os produtos do Pólo Industrial de Manaus. Já Brasília, trará como tema a reconstrução da cidade, com fotos da época – de JK e seus idealizadores Oscar Niemeyer, Burle Marx, Lucio Costa entre outros – contrapondo com imagens atuais da capital. A São Paulo Turismo fará uma Ponte Estaiada cenográfica.

O Rio de Janeiro empunhará oficialmente a bandeira de “Capital Mundial do Turismo e dos Esportes”. Uma folheteria especial com foco no turismo de lazer e de esportes, voltada para os profissionais da área, foi desenvolvida especialmente para a ABAV 2010. “Estamos em um estande conjunto com a Secretaria de Turismo, Esportes e Lazer do Estado do Rio de Janeiro, promovendo a atraente diversidade dos destinos turísticos da cidade e do estado. Temos ainda programado uma atração artística musical para o horário do final da tarde”, conta a diretora de marketing, Glória Britto Pereira.

A Secretaria de Turismo do Estado do Espírito Santo levará o frescor do mar para dentro do Riocentro, reproduzindo um píer, com quiosques e umbrelones para os agentes se sentirem em Vitória. E com direito a degustação da comida típica capixaba de casquinha de siri e bobó de camarão, feita por um gourmet local.

Conquistando pela boca

Aliás, a gastronomia será um destaque a parte. O famoso pão com mortadela do mercado de São Paulo a Chipa Paraguaia e Caldo de Piranha do Mato Grosso e o decantado tabuleiro da baiana, em sua versão mais completa, com o tradicional acarajé com vatapá, camarão e pimenta, abará, bolinho de estudante e cocadas branca e preta. No estande de Pernambuco serão distribuídas 500 tapiocas por dia. “Este ano, decidimos conquistar o público pela boca e também distribuiremos outras delícias de nossa terra, como bolo de rolo, bolo de goma e nego bom” afirma a assessora da Empetur, Sabrina Albuquerque.

Fonte: ABAV Nacional

  
  

Publicado por em