ABAV 2010: teatro e comédia para ajudar o agente a se reinventar

Usando o teatro e a comédia para chamar a atenção do agente sobre a importância da capacitação, a PROAGÊNCIA foi atração da ultima plenária da ABAV

  
  

Na última plenária do 38º Congresso da ABAV e Feira das Américas 2010, a palestra do Programa de Desenvolvimento Setorial em Agenciamento e Operações Turísticas – PROAGÊNCIA “Reinventando a Agência de Viagem”, ministrada pelo consultor e ator André Tadeu, mostrou para os agentes de viagens dicas de como ser bem sucedido nos negócios e trabalhar o emocional para obter sucesso e melhor relacionamento com funcionários e clientes.

Muito animado e interagindo com a platéia, Tadeu encenou um teatro começando com o personagem Laércio Monteiro, o neurologista, que estudou o que acontece na cabeça dos agentes e descobriu porque esses profissionais não se mobilizam para crescer ainda mais no mercado.

Durante a encenação, ele mostrou algumas “doenças” que afetam os agentes de viagens, como Miopia Mercadológica, que é quando o profissional não enxerga direito o mercado, e Postergação Crônica, quando eles adiam as mudanças que são inevitáveis, entre outros males que enfraquecem os negócios.

Além disso, o palestrante deixou claro que, para ser bem sucedido, o profissional do turismo precisa se planejar, criar produtos específicos e eventos alternativos que atraiam a atenção do cliente. “É importante desenvolver o empreendedorismo para não se acomodar”, disse.

Ainda encarnando o personagem neurologista, Tadeu falou sobre motivação e dividiu em quatro os estilos de orientação comportamental da motivação. O primeiro é a participação; o segundo, a ação; o terceiro, a conciliação; e, por ultimo, a manutenção.

Logo depois, Tadeu trocou de personagem e apresentou-se como Afrodite Paixão, uma psicóloga que ajuda os agentes de viagens a terem inteligência emocional. “O agente precisa saber identificar e administrar os estados emocionais dos clientes, funcionários e parceiros.”

O palestrante mostrou ainda as crenças que não podem ser abandonadas pelo agente: a de que mercado está sempre aberto à inovação; a necessidade de estar sempre capacitado; a concorrência pode ser superada; a do cliente pode ser alcançada e, por fim, a de que os objetivos propostos não são impossíveis de serem atingidos.

Apesar de todo o clima de brincadeira e descontração, Tadeu aproveitou o momento para divulgar os cursos online e presencial que são oferecidos para os agentes por meio do PROAGÊNCIA. Os próximos serão “Gestão de Pessoas em Agenciamento e Operações” e “Gestão de Roteiros em Turismo Receptivo”. As inscrições vão do dia 20 a 31 de outubro e o curso será do dia 8 a 27 de novembro.

Fonte: ABAV Nacional

  
  

Publicado por em