AMAZONASTUR é reconhecida entre OS DEZ MAIS DO TURISMO DE 2008

Para a escolha dos agraciados, dentre os critérios julgados, estava a capacidade de inovação, criatividade, desempenho comercial e sucesso nas realizações.

  
  

Oreni Braga Presidente da Empresa Estadual de Turismo do Amazonas – AMAZONASTUR, recebereu o troféu “Os Dez Mais do Turismo de 2008”. A entrega aconteceu dia 29 de Abril, quarta-feira, às 19:30hs, no Hotel Tivoli Mofarraj São Paulo, em São Paulo(SP), onde foram premiadas empresas e personalidades que se sobressaíram no setor turístico durante o ano de 2008.

O prêmio Os Dez Mais do Turismo é uma realização da Revista Brasil Travel News com o apoio da ABAV São Paulo, ABIH São Paulo, ABRAJET, ANETUR, BRAZTOA, São Paulo Convention & Visitors Bureau entre outros. Para a escolha dos agraciados, dentre os critérios julgados, estava a capacidade de inovação, criatividade, desempenho comercial e sucesso nas realizações. A Revista Brasil Travel News realiza anualmente a premiação, o prêmio é promovido há 24 anos pela Revista.

Segundo Oreni Braga “a escolha da AMAZONASTUR, além de ser um prêmio, é um importante reconhecimento nacional pelo trabalho, esforço e empenho, que o Governo do Amazonas, vem realizando nesses últimos 06 (seis) anos, voltado para o desenvolvimento sustentável do turismo, e na qualidade dos serviços turísticos, fazendo com que também a atividade seja geradora de emprego e renda para a população local, porém sem esquecer questões como meio-ambiente, preservação do patrimônio ecológico; cultural, preservação do patrimônio arqueológico, histórico e sociológico”.

AMAZONASTUR

O Governo do Estado do Amazonas, na busca de priorizar o Turismo no Estado, criou em 2003 a Empresa Estadual de Turismo – AMAZONASTUR, tendo como missão implantar a Política Estadual de Desenvolvimento Sustentável do Turismo, a qual está pautada em 04 pilares: Gestão, Infra-estrutura, Produto e Marketing.

O Amazonas destaca-se como referência na região amazônica, por adotar uma política Econômica, Social e Ambiental, o que vem assegurando a preservação de 98% de suas florestas, por oferecer alternativas sustentáveis ao homem da floresta, das quais destaca-se o Turismo. Sob esse enfoque, o Governo do Amazonas vem trabalhando em conjunto com a população local, o Turismo de forma organizada e consciente, destacando os segmentos do Ecoturismo, Turismo de Natureza, Pesca Esportiva, Turismo de Selva, Turismo Contemplativo, Turismo Cultural, entre outros, que são reconhecidos como importantes alternativas para o desenvolvimento regional.

O Turismo Natural é o grande atrativo dos roteiros no Amazonas. O visitante tem a oportunidade de conhecer, aprender e valorizar a maior floresta tropical do planeta, de navegar nas águas do Rio Amazonas, contemplando o maior fenômeno da natureza, o Encontro das Águas, junção da água negra do Rio Regro com a água barrenta do Rio Solimões, e de conhecer o homem da floresta, o qual é o principal responsável pela conservação dos recursos naturais. A interação do homem com a natureza e, a maneira de como extrai a riqueza da diversidade biológica da floresta, de forma respeitosa e com racionalidade, é um dos ensinamentos do Turismo Sustentável Local. Atualmente, os principais fatores que influenciam na escolha das rotas de viagens de turismo, são a ecologia e a cultura de cada povo, os quais vêm propiciando novas experiências aos turistas do novo milênio, somados a outros componentes como o bom acesso, a segurança, a infra-estrutura turística e a qualidade dos serviços turísticos.

O Governo do Amazonas, por intermédio da AMAZONASTUR, vêm reestruturando o turismo em todas as suas dimensões, ordenando a cadeia produtiva do setor, por meio de cadastramento dos prestadores de serviço; fiscalização desses serviços; capacitação da mão-de-obra turística com cursos que atendem o mercado, destacando os cursos de idiomas; estudos voltados para o uso turístico em unidades de conservação; construção de equipamentos de apoio turístico; formatação do artesanato sustentável que visa criar a identidade do artesanato amazonense; e a sinalização turística, nos municípios prioritários para a atividade, bem como a promoção e divulgação da Marca Amazonas, nos mercados nacional e internacional, definindo um slogan Amazonas o Destino Verde do Brasil.

Atualmente o Amazonas representa a maior e melhor oferta hoteleira da Região Norte, apresentando um crescimento médio anual, em oferta de unidades habitacionais e de leitos, na ordem de 11,5 %.

Em 2003, o Estado recebeu 283 mil turistas, sendo que em 2008 passou a receber, cerca de 495.084 mil turistas. Isso tem permitido que o Destino Verde do Brasil esteja entre os dez destinos brasileiros mais procurados pelos turistas estrangeiros, conforme registra o EMBRATUR.

Fonte: Secretaria de Turismo do Amazonas

  
  

Publicado por em