Espaço Minas Gerais encerra 2010 com bons resultados

O Espaço Minas Gerais mostra aos visitantes toda a riqueza e a potencialidade do Estado

  
  

Ao encerrar o ano de 2010, a secretária de Estado de Turismo de Minas Gerais, Érica Drumond, contabiliza bons resultados das atividades do Espaço Minas Gerais, inaugurado há um ano e três meses, no maior polo econômico da America Latina, São Paulo.

“As lideranças da economia mineira, tanto da iniciativa privada, quanto do poder público, podem contar com um centro de referência em São Paulo. Acredito que a pujança mineira e a dinâmica paulista foram determinantes para que os resultados aparecessem nesse período”, afirma Érica Drumond.

Desde setembro de 2009, o espaço, localizado na esquina da Avenida Paulista com rua Minas Gerais, realizou cerca de 80 eventos de diversas áreas da economia, como turismo, cultura, moda, dentre outras. Em 2010, o Espaço também foi cenário de reuniões de lideranças mineiras, que realizaram nove encontros de setores estratégicos da economia do Estado, como metalurgia, saúde e mineração. Desde sua inauguração, a “Casa de Minas” contabilizou a presença de mais de 3.500 pessoas.

Também em 2010, importantes ações da política pública do turismo de Minas foram apresentadas no Espaço Minas Gerais, como o lançamento do projeto Roteiros Integrados - que contou com a presença do ex-Ministro do Turismo, Luiz Barretto, e do diretor executivo de Relações Exteriores e Associações da Organização Mundial do Turismo (OMT), Márcio Favilla - e o lançamento do Cardápio de Produtos Turísticos do Sul de Minas, além de workshops e capacitações de agentes e operadores de viagens que comercializam roteiros turísticos mineiros em São Paulo.

Desde a inauguração, o Espaço Minas Gerais apresentou aos paulistas a pluralidade cultural e artística mineira por meio de mostras de artesanato, gastronomia e moda. Destaque para o lançamento do Minas Trend Preview em SP, Mostra de Vídeos de Fernando Sabino e o evento BH Vem Até Você. Estes eventos incentivaram os paulistas a conhecerem um pouco mais as produções artísticas criadas em solo mineiro, e estimularam o contato entre executivos mineiros e paulistas.

Captação de Eventos
Para a atração de investimentos em Minas Gerais, foi desenvolvida uma metodologia de captação de eventos utilizada por uma equipe mineira sediada em São Paulo. E os resultados começam a aparecer.

A equipe captou sete eventos para Belo Horizonte e cidades polo do Turismo de Negócios do interior mineiro: o II Beleza Sustentável, o IV Congresso Brasileiro de Comunicação Ambiental, o 59º Congresso Brasileiro de Anestesiologia 2012, o Abrasilan Frama / Abradilan HPC 2011, o Beleza Sustentável Regional (Araxá e Juiz de Fora) e o Beleza Sustentável Regional Uberlândia 2011.

Érica Drumond, destaca a importância desses novos eventos para a cadeia produtiva do turismo. “Estudos apontam que o turista que vem a Minas Gerais motivado por negócios deixa um gasto duas vezes maior que o turista de lazer. A Setur trabalha para que estes visitantes aproveitem sua estada e conheçam os atrativos turísticos mineiros, aumentando assim sua permanência em Minas Gerais. Assim conseguimos gerar dinheiro novo em nossa economia”, explica.

Espaço Minas Gerais
Inaugurado em setembro de 2009, o Espaço Minas Gerais é um centro de referência para que empresários e executivos de São Paulo vivenciem as potencialidades econômicas, turísticas e culturais de Minas.

O Espaço Minas Gerais mostra aos visitantes toda a riqueza e a potencialidade do Estado. No casarão construído na década de 1930, paredes douradas remetem à riqueza mineral de Minas Gerais. Suas salas foram batizadas com os nomes de algumas das maiores personalidades mineiras, como o inventor e aviador Santos Dumont, o escritor Guimarães Rosa, o poeta Carlos Drummond de Andrade e o escritor Fernando Sabino.

O Espaço conta também com uma instalação videográfica que exibe toda a diversidade turística, cultural e econômica do Estado. Belo Horizonte é homenageada no Espaço e cede o nome a uma sala multiuso, na qual estão expostas imagens da cidade. Artesanatos, como as famosas bonecas do Vale de Jequitinhonha, também fazem parte da ambientação da Casa.

Fonte: Governo do Estado de Minas Gerais

  
  

Publicado por em