Estão abertas as inscrições para o Prêmio Braztoa

A premiação, realizada em parceria com o Ministério do Turismo, visa reconhecer as ações de sustentabilidade do setor

  
  

O Rio de Janeiro será sede da quarta edição do Prêmio Braztoa de Sustentabilidade, que acontece em novembro. O evento tem por objetivo destacar as principais iniciativas de sustentabilidade ligadas ao setor em cinco categorias: empresas associadas à Braztoa, agências de viagem, meios de hospedagem, parceiros institucionais e parceiros do trade.

Entre os critérios de avaliação destacam-se o impacto ambiental do projeto, os benefícios socioculturais e econômicos, o incentivo ao turismo sustentável, a viabilidade financeira, a abrangência e a replicabilidade.

“O prêmio é um importante instrumento para identificar e reconhecer ações e práticas sustentáveis já adotadas com sucesso pelo setor, que quando divulgadas podem sensibilizar e incentivar outros empresários a replicá-las”, afirma a coordenadora-geral de Sustentabilidade do Ministério do Turismo (MTur), Isabel Barnasque.

A iniciativa que obtiver o maior destaque entre as cinco primeiras colocadas receberá também o prêmio Top Sustentabilidade. As inscrições estão abertas no site da Braztoa até 2 de outubro.

Além de apoiar a premiação da Braztoa, o Ministério do Turismo realiza outras ações para promover o desenvolvimento sustentável para o setor. Entre elas, a divulgação de boas práticas e políticas públicas voltadas à sustentabilidade, atuando junto à Associação Brasileira de Normas Técnicas (ABNT) na construção e revisão de regras de sustentabilidade associadas ao turismo.

O Ministério também está mobilizado junto às entidades do Conselho Nacional de Turismo (CNT) para incentivar a adesão ao Código Mundial de Ética no Turismo da Organização Mundial do Turismo.

Em parceria com o Ministério do Meio Ambiente e o Programa das Nações Unidas para o Meio Ambiente (Pnuma), o MTur desenvolve iniciativas para estimular o turista e a cadeia produtiva a adotarem atitudes de consumo e produção responsável. O guia Passaporte Verde é uma das ações voltadas para o viajante com dicas de como se comportar e como privilegiar ações de sustentabilidade.

Histórico:

A sustentabilidade é uma das premissas do Ministério do Turismo. Desde 2004, a pasta desenvolve programas para valorizar e inserir a sustentabilidade no setor. Entre as ações já realizadas estão o Programa de Regionalização, o Programa Talentos do Brasil Rural, o Viaje Legal, o Viaja Mais Melhor Idade, a Produção associada ao turismo (artesanato e turismo de base comunitária, entre outros) e o Programa Turismo Acessível. Em 2013, o Ministério lançou o Programa Turismo Sustentável e Infância com foco no enfrentamento à exploração de crianças e adolescentes no turismo brasileiro.

Nos últimos dois anos, foram distribuídos mais de 720 mil materiais informativos sobre a campanha e cerca de 110 mil pessoas foram mobilizadas em todo o país.

Editoria: Vininha F. Carvalho

Visite: www.revistaecotour.tur.br

Fonte: MTur / Braztoa

  
  

Publicado por em