Exposição reunirá 40 mil aves e transformará Itatiba na Capital dos Canários Domésticos

O Brasil é um dos países mais respeitados no mundo quando o assunto é ornitologia

  
  

De 11 a 20 de julho, Itatiba (SP) se transformará na “Capital dos Canários Domésticos”. A cidade, que está a 75 km de São Paulo, será palco da segunda etapa do 62º Campeonato Brasileiro de Ornitologia, que vai reunir cerca de 20 mil aves na área de exposição e mais 20 mil na área de vendas.

Essa área de exposição dos pássaros será aberta a visitação pública nos dias 18, 19 e 20 de julho, mas a área de vendas estará aberta a partir do dia 11 de julho.

O evento reúne os mais belos canários do país, pertencentes a mais de 1.000 criadores de diversos Estados brasileiros. Os animais serão julgados pela cor, plumagem, tamanho, postura e canto, entre outros critérios.

Os juízes têm a difícil tarefa de escolher os mais belos de cada classe de julgamento. São três tipos de canários: canário de cor, canário de porte e canário de canto clássico.

O evento é realizado pela Federação Ornitológica do Brasil (FOB) em seu Centro de Eventos. Segundo o diretor executivo da FOB, Guido Nardi, o Brasil é referência mundial em criação de pássaros.

“Mostraremos ao público porque o Brasil é um dos países mais respeitados no mundo quando o assunto é ornitologia. Alguns dos melhores canários estarão em exposição e julgamento”, diz.

Destaques:

A grande atração da exposição são os canários de cor. Devido a mutações genéticas, eles deixaram de ter a cor verde original e hoje apresentam mais de 500 cores. Há mais de 300 anos, vivem em viveiros, já que na natureza seriam alvos fáceis de predadores, devido às suas cores chamativas.

Os canários frisados, uma mutação originária da França, na qual as penas crescem eriçadas, serão outro destaque do evento.

Ao contrário do que muitos imaginam, os canários de canto representam apenas 1% do total de pássaros do campeonato. Eles exigem cuidado especial na criação para que aprendam os cantos clássicos e, curiosamente, cantam de bico fechado.

A história conta que, entre 1700 e 1800, os criadores de canários da região de Harz, pequeno vilarejo da Alemanha, foram os precursores desta raça. Os mineiros de carvão levavam canários em pequenas gaiolas para as minas.

Na época, não havia dispositivos que detectassem a presença de gases, mas os canários morriam quando isso acontecia e os mineiros abandonavam o local. Pode-se dizer que estes animaizinhos salvaram a vida de muitos trabalhadores das minas alemãs.

Serviço

- Evento: 62º Campeonato Brasileiro de Ornitologia

- Local: Centro de Eventos da FOB

- Endereço: avenida Luciano Consoline, 1.500 (Rodovia do Contorno) – Itatiba

- Data: 11 de julho a 20 de julho

- Visitação pública: 18 a 20 de julho (área de exposição) e 11 a 20 de julho (área de vendas)

- Horários de visitação: 8h às 17h

- Entrada e estacionamento gratuitos

- Estrutura conta com lanchonete, restaurante e área de vendas com aves e insumos veterinários especializados

Visite: www.revistaecotour.com.br
Fonte: Fernanda Ikedo

  
  

Publicado por em