Festival Vale do Café toma conta do Estado do Rio

Fazendas da época do ciclo do café serão palco de uma viagem no tempo, por meio de tour histórico; desde 2003, festival já recebeu mais de 450 mil visitantes

  
  
História, música e gastronomia inspiram mais uma edição do Festival do Vale do Café, que envolve 13 municípios do Estado do Rio; Igrejas, praças, casarões e fazendas históricas estão abertos ao público

Igrejas, praças, casarões e fazendas históricas da região fluminense no Vale do Café abrigam, a partir desta sexta-feira (17) e até o dia 26 de julho, o tradicional festival cultural e gastronômico da região - o Festival do Vale do Café. Na programação, concertos nas fazendas, tours históricos, shows em praças púbicas, manifestações populares, palestras e cursos de música, além de cardápios especiais nos restaurantes locais.

O festival é realizado desde 2003 e tem o apoio do Sebrae no Rio de Janeiro. O evento foi idealizado por Cristina Braga, primeira harpista da Orquestra Sinfônica do Teatro Municipal do Rio de Janeiro, e tem direção artística de Turíbio Santos, considerado um dos maiores violonistas clássicos da atualidade. Seu objetivo é fortalecer o pólo turístico e cultural, contribuindo com o desenvolvimento econômico do interior do Estado do Rio.

Em todas as cinco edições anteriores, o Festival do Vale do Café contabilizou 450 mil visitantes, brasileiros e estrangeiros. O evento remunera aproximadamente 700 profissionais e beneficia mais de 1.000 alunos de música, gerando desta maneira um grande crescimento econômico para a região.

Programação

Doze fazendas da época do ciclo do café serão palco de uma viagem no tempo, por meio do Tour Histórico. Durante o evento, serão oferecidos cerca de 15 oficinas e cursos gratuitos que vão de canto a bandolim, passando por violoncelo, contrabaixo, violino, sax, clarineta, trompete, harpa e muito mais.

No dia 25 será realizado o Cortejo de Tradições, aberto ao público. A atração integra as principais manifestações culturais das comunidades do Vale do Paraíba, como caxambus, jongos, caninhas verdes e calangueiros e as tradicionais folias de reis.

Haverá, ainda, um espaço cultural, o Café Cultural O Globo, ponto de encontro para quem aprecia a bebida, com palestras, debates e degustações que abordam temas ligados à cultura histórica da região, ao cultivo do café e à música instrumental brasileira.

Os concertos terão a presença de grandes artistas nacionais, como Victor Biglione, Mulheres em Beatles e Libertango, de sexta a domingo, nas fazendas históricas. Somente os concertos nas fazendas são pagos; o resto da programação, que abrange mais de 30 apresentações, é gratuita.

A região do Vale do Café compreende as cidades de Vassouras, Valença, Rio das Flores, Paty do Alferes, Miguel Pereira, Engenheiro Paulo de Frontin, Paracambi, Mendes, Barra do Piraí, Piraí, Pinheiral, Volta Redonda e Barra Mansa.

O Festival Vale do Café 2009 é apresentado pela Light e, este ano, conta também com o patrocínio da Embratel, Banco do Brasil, CCR/NovaDutra, Brasilveículos, Petrobras, Ministério do Turismo, Secretaria de Estado de Cultura e Secretaria de Estado de Turismo, Esporte e Lazer, além do apoio do Sebrae/RJ, Sistema Firjan, Nestlé, O Globo, TV Rio Sul, Universidade Severino Sombra, Instituto São Fernando, Preservale e Lei Federal de Incentivo à Cultura. Confira toda a programação, valores e horários no site www.festivalvaledocafe.com.

Serviço:
7ª edição do Festival Vale do Café
Dias 17 a 26 de julho de 2009
Informações - www.festivalvaledocafe.com
Sebrae no Rio de Janeiro - (21) 2212-7971

Fonte: Agência Sebrae de Notícias

  
  

Publicado por em