Mercado turístico mundial é discutido na Embratur

Executivos internacionais do turismo brasileiro vieram ao país para apresentar análises e resultados do mercado mundial

  
  

Nesta semana, os executivos dos Escritórios Brasileiros de Turismo (EBTs) participaram do seminário “A Imagem do País e a Promoção Turística Internacional”. O evento, promovido pela Embratur (Instituto Brasileiro de Turismo), e organizado pelo Instituto Marca Brasil, aconteceu em Brasília, no Centro de Eventos Brasil 21, nos dias 29 e 30 de novembro, com a presença de personalidades do turismo mundial.

Os executivos dos Escritórios Brasileiros de Turismo (EBTs), que são o braço da Embratur nos países estratégicos para a promoção internacional do turismo, chegaram na semana passada ao Brasil, para fazer uma análise do mercado mundial e trocar experiências com as secretarias de turismo de diversos estados brasileiros.

Os EBTs se reuniram na sede da Embratur, em Brasília, e apresentaram os cenários de seus respectivos mercados. São eles: Alemanha, Espanha, França, Estados Unidos, Itália, Portugal, Reino Unido e Japão. Cada um mostrou a atual situação política e econômica dos países em questão, assim como dados estratégicos de promoção turística e os principais segmentos e produtos que são trabalhados em cada região.

“Esse encontro entre os executivos e a Embratur é importante para que a gente tenha uma retrospectiva das ações dos EBTs em 2010 e um planejamento para 2011”, contou a gerente de mercados internacionais – Europa, Ásia e África – da Embratur, Fernanda Hummel. Ainda durante o encontro na Embratur, representes das secretarias dos estados apresentarem seus produtos turísticos e estratégias para cada EBT. Treze estados estiveram em contato direto com os executivos internacionais, durante todo o dia.

Representantes do Ministério do Turismo também participaram com apresentações de suas áreas para os EBTS. Falaram sobre a nova classificação de hotéis, as missões internacionais do MTur e a agenda comercial. “Esse encontro foi um grande reforço entre os vínculos entre os EBTs e o Ministério do Turismo. A participação das secretarias de turismo foi fundamental para que unificássemos o discurso com os estados e os executivos”, completou Fernanda Hummel.

Fonte: MTur

  
  

Publicado por em