Minas alcança marca de 42 Circuitos Turísticos Certificados

Em cerimônia de certificação, secretária Érica Drumond anuncia inauguração da Casa de Minas – mais uma iniciativa ousada para promoção do turismo

  
  

A secretária de Estado de Turismo, Érica Drumond, presidiu na última sexta-feira (24) da Cerimônia de Certificação do Circuito Noroeste das Gerais, em Paracatu, onde em seu discurso lembrou que o turismo é a primeira atividade econômica do mundo e a quinta na pauta de exportação do Brasil. “O turista consome todos os produtos e serviços que qualquer destino oferece”, afirmou a secretária aos prefeitos, autoridades e demais envolvidos na criação do mais novo circuito turístico de Minas Gerais. Agora, o Estado conta com 42 circuitos certificados.

Com essa solenidade, realizada na Fundação Municipal Casa de Cultura de Paracatu, passam a fazer oficialmente parte do Circuito Noroeste das Gerais sete municípios. Além da cidade anfitriã, integram o grupo: Brasilândia de Minas, Buritis, Cabeceira Grande, João Pinheiro, Lagoa Grande e Unaí.
Em todos esses municípios predomina o agronegócio como principal atividade econômica. Érica Drumond ressaltou, entretanto, que o potencial turístico da região é um importante vetor a ser trabalhado para ampliar o desenvolvimento dos municípios e a geração de renda para as populações da área de abrangência do novo circuito turístico. “Onde é bom para morar, também é bom para se visitar. Vamos trabalhar juntamente com o circuito para melhorar a prestação de serviços para o turista que, saindo satisfeito, indica o destino para outros visitantes.”

Casa de Minas

Durante a cerimônia de certificação, a secretária de Estado de Turismo anunciou a inauguração da Casa de Minas, em São Paulo, ainda para este ano.

De acordo com ela, a casa será uma verdadeira embaixada do Governo Estadual, na Rua Minas Gerais esquina com a Avenida Paulista, no centro do maior mercado de turismo da América Latina. “O espaço servirá como um birô de negociação que facilitará a promoção e a visibilidade dos produtos turísticos mineiros, incentivando a comercialização do que Minas Gerais tem de melhor. Queremos colocar os produtos de Minas Gerais de forma estratégica, além das montanhas do Estado”, finalizou.

Fonte: Secretaria de Turismo de Minas Gerais

  
  

Publicado por em