Ministro do Turismo conhece o projeto Circuito Sítios Históricos da República, no Rio de Janeiro

Iniciativa incluirá monumentos do início da República no roteiro turístico carioca

  
  
Museu da República (RJ)

O ministro do Turismo, Luiz Barretto, reuniu-se nesta quinta-feira (27) no Museu da República, no Rio de Janeiro (RJ), com Magaly Cabral, diretora da instituição. O objetivo do encontro foi apresentar ao ministro o Projeto Circuito Sítios Históricos da República, parceria entre o Museu Casa Benjamim Constant e Museu da República, que prevê a inclusão do circuito de monumentos e museus que remontam, no roteiro turístico cultural carioca, o início da República.

Para o ministro Luiz Barretto, essa é mais uma opção para o turista que visita o Rio de Janeiro e estabelece uma intersecção entre turismo e cultura. Segundo a diretora, Magaly Cabral, o projeto capacitou 91 guias para fazer o percurso durante a semana nacional da República este ano. O roteiro é composto por cenários importantes do fim da monarquia: Casa Benjamin Constant; Palácio do Itamaratty; Praça da República; Casa de Deodoro e pelo Museu da República.

No ano passado, o Museu da República recebeu mais de 50 mil visitantes. Aos domingos, cerca de duas mil pessoas vão aos jardins do museu. Para a diretora, “o desafio é fazer com que essas pessoas entrem para conhecer o acervo”.

O Ministério do Turismo (MTur), em parceria com o Instituto Brasileiro de Museus (Ibram), tem trabalhado para fortalecer o Turismo Cultural. Por meio do Programa de Qualificação de Museus para o Turismo, em 2008, projetos de oito museus federais receberam apoio de R$ 2 milhões do MTur. Um dos contemplados foi o Museu da República, que recebeu R$ 161,2 mil para produção de áudios de português, inglês e espanhol, além de versões especiais para deficientes auditivos.

Entre as ações do programa também está a produção de 250 mil mapas de museus das cidades do Rio de Janeiro, São Paulo, Salvador, Porto Alegre e Brasília. Os mapas estão sendo distribuídos para museus dessas cidades, assim como para os órgãos e entidades (estaduais e municipais) das áreas de cultura e de turismo.

Fonte: MTur

  
  

Publicado por em