Recife oferece frevo todo dia para a alegria dos turistas

Desde que foi implantada a programação de frevo, foram mais de 1,5 mil horas com apresentação de 50 orquestras e 300 músicos

  
  
Diariamente, no Marco Zero,uma orquestra de frevo acompanhada de dois passistas se apresenta para os visitantes/Exclusiva BR

Apesar de ser considerada a capital multicultural do Brasil, era muito comum ouvir a reclamação que o frevo só tocava no Recife no Carnaval. Há exatos 12 meses que uma iniciativa da Secretaria de Turismo do Recife e da Fundação de Cultura Cidade do Recife promove apresentações diárias no Marco Zero e em Boa Viagem. A ação, integrante do Ano do Turismo, dá também oportunidade aos músicos que tocavam frevo apenas nos dias de Momo.

Diariamente, no Marco Zero, das 09h às 11h, uma orquestra de frevo acompanhada de dois passistas se apresenta para os visitantes que fazem a primeira parada dos city-tours pelo Recife. Já em Boa Viagem as apresentações acontecem de segunda a sexta-feira no início da noite, das 19h às 21h, fazendo a alegria dos turistas hospedados na orla.

Segundo o maestro Nilsinho Amarante, é muito importante para os músicos terem a oportunidade de tocar o frevo em outras épocas do ano. "Muitos artistas trabalham em outras profissões durante o ano e poucas vezes têm a oportunidade de se exercitar como músicos." Para o maestro Maia Júnior, com as apresentações diárias estimulou-se ainda a renovação do frevo. "Ao tocar diariamente, o músico se reaproxima do frevo, contribuindo para a geração de novos arranjos."

O frevo também tomou conta dos estádios de futebol pernambucanos com apresentações nas finais da Copa do Brasil. A ação recebeu destaque especial na mídia nacional durante o jogo Sport X Corinthians com um show do "Orquestrão do Ano do Turismo", formado por 60 músicos, que animou os torcedores. Desde então em todos os jogos do Campeonato Brasileiro uma orquestra de frevo recebe a torcida visitante dentro do projeto "Receba Bem o Turista Torcedor".

Desde que foi implantada a programação de frevo, foram mais de 1,5 mil horas com apresentação de 50 orquestras e 300 músicos entre os quais: Maestro Nilsinho Amarante, Maestro Maia Júnior, Maestro Botelho, Maestro Oséias, Maestrina Lurdinha Nóbrega, Orquestra 100% Mulher, Orquestra 10 de agosto, Orquestra Viena, Orquestra Veneza Tropical, acompanhados de passistas da Escola de Frevo comandados por Célia Leão.

Fonte: Exclusiva BR

  
  

Publicado por em

DANIELE

DANIELE

17/02/2010 10:00:11
É MUITO LEGAL, NÃO TEM LUGAR MELHOR QUE RECIFE PARA PASSAR O CANAVAL.

Iasmim

Iasmim

12/02/2009 13:36:43
EU ACHO MUITO BONITO O FREVO DE RECIFE

Geralda regina da páscoa santos

Geralda regina da páscoa santos

02/10/2008 15:28:29
muito boa a iniciativa porque nem todo mundo vai ai Recife só no carnaval, e assim em qualquer que a gente for teremos a oportunidade de assim este folclorece tão importante para nossa cultura.
parabéns, abraços, geralda

Swlly

Swlly

02/10/2008 12:09:20
Sou carioca, e quero passar o carnaval em Recife!! Estou animada para conhecer o frevo *-*