Novos destinos brasileiros marcam presença na Abav 2011

De olho nos agentes e operadoras que trabalham com turismo exportativo nacional, os principais estados brasileiros venderam seu peixe na Feira das Américas

  
  

De olho nos agentes e operadoras que trabalham com turismo exportativo nacional, os principais estados brasileiros venderam seu peixe na Feira das Américas Abav 2011, no Riocentro, no Rio de Janeiro. Muito aproveitaram o maior salão de turismo das Américas para apresentar novas rotas, reformulações de velhos conhecidos roteiros e divulgar novos empreendimentos, além de promover a cultura e a gastronomia local.

A Região Nordeste, os estados da Paraíba, Sergipe e Pernambuco representam as maiores novidades da Feira para a região. Pernambuco lançou na Feira das Américas uma programação especial de Natal na cidade de Gravatá, intitulada a Suíça do Agreste. Com o tema "Sonhos da Pastorinha Diana", o evento promete diversificar a oferta turística do estado, fomentando as baixas temporadas. Em Sergipe, o verão também chama as praias, mas foi o Reveillon, anunciado no primeiro dia do evento, que ganhou destaque.

A Paraíba destacou o potencial de seu litoral. "Além das praias, a capital paraibana é considerada a cidade mais segura do País, onde qualquer um pode passear a qualquer hora do dia e da noite sem medo", afirma a presidente da Empresa Paraibana de Turismo S/A (PBTUR), Ruth Avelino.

Dentre as grandes expectativas dos expositores do estado de Tocantins está divulgação entre os agentes do potencial turístico das novas rotas para a cidade do Cantão. "Acreditamos que esse será o nosso próximo pólo turístico porque une três biomas em uma região só: o cerrado, o pantanal e o rio Amazonas", diz Luciano Cohen, agente de turismo da região de Palmas. "A maior necessidade de Cantão é a criação e comercialização de novos roteiros para a região. Atualmente, apenas uma agência no Brasil trabalha esta rota.

O Mato Grosso do Sul também tem grandes expectativas em torno de um projeto que está em construção em Campo Grande: o Aquário do Pantanal, que será o maior aquário de água doce do Brasil. Com previsão para 2013, o empreendimento deve atrair o dobro de turistas para a região. “Esta atração será o terceiro ícone turístico do estado e não será apenas bonito, mas terá a função de servir para a conscientização da preservação do meio ambiente e de fomentar pesquisas”, afirmou a presidente da Fundação de Turismo do Mato Grosso do Sul, Nilde Brun.

A Capital do País, Brasília, está investindo no turismo místico e apresentou no seu estande uma réplica do templo, que considerada uma das sete maravilhas do mundo. O monumento recebe, em média, um milhão de pessoas por ano. "Nossa intenção é trazer para o público uma visão diferente de Brasília, tão marcada pela política, e mostrar que existe muito o que conhecer na capital do País".

Santa Catarina destacou o Carnevale di Venezia, realizado na cidade de Nova Veneza. Para essa Feira da Abav 2011, os arlequins, bobos da corte, bufões e colombinas desfilam seus trajes chamando a atenção para a festa da Gastronomia Típica Italiana que acontece anualmente no mês de junho.

Estados apostam na diversificação
O Rio de Janeiro investiu na interiorização do turismo, expandindo a imagem da capital para as demais "cidades maravilhosas" do estado. Com rotas curtas e paisagens que alternam serra e mar, a Secretaria de Turismo do Rio (TurisRio) investiu no oferecimento de destinos alternativos neste ciclo inicial dos grandes eventos que a capital sediará em 2014 e 2016.

Em um simulador, os visitantes da Feira das Américas puderam fazer um passeio virtual de asa delta costeando o litoral de Parati até o Corcovado. Somente no primeiro dia, 600 pessoas visitaram a atração. O diretor de marketing da TurisRio, Guto Graça, empolgou-se com as oportunidades que o Rio trouxe para o turismo: "Sempre fomos uma porta de entrada para o turista estrangeiro, mas hoje podemos ser a porta de saída para as demais cidades do estado", comenta.

O Espírito Santo trouxe para a ABAV a campanha "Estilos", incentivada pela secretaria de Turismo do Estado, que promove roteiros especializados para diferentes estilos: aventura, religioso, cultural, serra e praia. A idéia é apresentar um estado mais versátil para o turista e oferecer novas oportunidades de negócios para os agentes de viagens, que ganharam uma campanha de incentivo especifica. Após um cadastro no site da Secretaria de Turismo do Espírito Santo, o agente que mais vender pacotes do destino, concorre a prêmios mensais.

O Paraná ofereceu um cardápio de roteiros para servir vários segmentos, como Ecoturismo, Gastronomia, Lazer e Aventura. Com o slogan "Paraná: você ainda não viu tudo", a secretaria de Turismo busca motivar o turista a esticar suas viagens com programação para serra, litoral e a capital, Curitiba.

Com tantas opções, a criatividade dos roteiros e a busca por alternativas turísticas garantem um cardápio variado de atrações para todas as épocas do ano.

Fonte: ABAV

  
  

Publicado por em