Secretário Nacional de Políticas do Turismo fala sobre a importância da regionalização em MG

O secretário Nacional de Políticas Públicas do MTur falou sobre a importância do Programa de Regionalização para o desenvolvimento de todas as regiões turísticas brasileiras.

  
  

Na última sexta-feira (6), durante encerramento do 9°Encontro de Presidentes e Gestores das Associações de Circuitos Turísticos de Minas Gerais, o secretário Nacional de Políticas Públicas do Ministério do Turismo, Airton Pereira, falou sobre a importância do Programa de Regionalização para o desenvolvimento de todas as regiões turísticas brasileiras e apresentou alternativas para impedir que a crise econômica seja um entrave para o crescimento da atividade turística no Brasil.

De acordo com o secretário, o Ministério comemora os índices de turistas que viajaram pelo Brasil neste verão. A alta valorização do dólar e a instabilidade financeira nos países europeus motivaram a criação da campanha publicitária “Está na hora do brasileiro conhecer o Brasil”, que possibilitou um aumento de 15% no movimento do turismo doméstico brasileiro. Segundo Pereira, a crise gerou também oportunidade de conhecer e investir em outros mercados. “Em um cenário que apontava dificuldades como os mercados norte-americano e europeu, apostamos nos vizinhos latino-americanos Chile, Uruguai, Argentina e Peru”, disse.

Ainda segundo o secretário, o Ministério do Turismo espera que 2009 seja um ano promissor para a atividade. “Estamos trabalhando mais nosso mercado interno, suprindo o internacional. Há uma necessidade do mundo do negócio prosperar. E ainda, teremos 11 feriados nacionais, sendo que destes, nove são emendados – o que favorece o fluxo de turistas pelas regiões brasileiras”. A partir de março, a campanha publicitária “Está na hora do brasileiro conhecer o Brasil” novamente entrará em circulação em todo o Brasil, convidando para o turismo no feriado da Semana Santa. “E para a Semana Santa, vamos divulgar e promover o turismo religioso, a história e a cultura de Minas Gerais”, anuncia Pereira.

Turismo Regionalizado

Segundo o secretário Airton Pereira, o Programa de Regionalização permite um trabalho orientado para a formação de um produto turístico regional, já que há uma união de municípios com a mesma vocação turística. “É fundamental a integração para que cada cidade agregue valor na formatação de um produto turístico. Funciona como um somatório das excelências, o que é essencial para construção de um produto turístico único e de excelência”, explicou o secretário.

De acordo com a secretária de Estado de Turismo, Érica Drumond, as Associações de Circuitos Turísticos de Minas Gerais são a política pública regionalizada da gestão turística do Estado. “As Associações são os braços da Setur, para que possamos ser eficientes em todas as regiões do Estado. Minas Gerais está em processo avançado de regionalização, não somente em metodologia e projetos, mas também em forma de repasse de recursos”, disse a secretária.

Entre 2007 e 2008, a Setur repassou R$ 385 mil 34 Associações de Circuitos Turísticos para aplicação na infra-estrutura das sedes das associações, em projetos de desenvolvimento do turismo das regiões e em ações de qualificação e promoção. Para 2009, a secretária informou convênio de repasse na ordem de R$ 653 mil para estruturação da Federação dos Circuitos Turísticos do Estado, pesquisa de opinião e produção de material informativo.

Em Minas Gerais, o Programa de Regionalização do Turismo é representado pelas 42 Associações de Circuitos Turísticos Mineiros – que representam a descentralização da política pública de turismo em 600 municípios, em todas as regiões do Estado. Caracterizados como instâncias de governança regional, as Associações reúnem um conjunto de municípios de uma mesma região, com afinidades culturais, sociais e econômicas, unidos para organizar e desenvolver a atividade turística regional.

O Encontro

O encontro com o secretário Airton, foi realizado no Liberty Palace Hotel, organizado pela Secretaria de Estado de Turismo, Federação dos Conventions & Visitors Bureaux de Minas Gerais e Belotur e contou a presença de entidades do trade turístico, imprensa e de representantes das 42 Associações de Circuitos Turísticos de Minas Gerais.

Fonte: Secretaria de Turismo do Estado de Minas Gerais

  
  

Publicado por em