Semana Nacional dos Eventos promove reflexão da imprensa especializada

Importantes nomes da imprensa especializada no turismo participaram de painel que refletiu o papel da mídia na cobertura do turismo de negócios e eventos.

  
  
Na semana Nacional dos Eventos, jornalistas da imprensa especializada participaram do painel que debateu o papel da mídia na cobertura do Turismo de Negócios e Eventos

Importantes nomes da imprensa especializada no turismo participaram, na manhã de hoje, 09/12, de painel que refletiu o papel da mídia na cobertura do turismo de negócios e eventos. O debate, parte integrante da Semana Nacional dos Eventos, foi realizado no auditório do Teatro Granada, no Minascentro.

Moderado pelo vice-presidente da Associação Nacional de Editores de Turismo, Sério Junqueira, o workshop contou com a participação do chefe de Reportagem da Revista Folha do Turismo, Luiz Marcos Fernandes, do sócio-diretor da Público.com – empresa de comunicação – e ex-gerente de comunicação da Embratur, Adrian Alexandre, e do consultor em comunicação, Fabio Steinberg.

Acompanharam as discussões empresários, formadores de opinião, lideranças do turismo de negócios do Brasil e da América Latina e jornalistas de veículos especializados no turismo.

Segundo Fábio Steinberg, em reunião realizada em 2009 pela NBTA – National Business Travel Association – foi revelado que “o Brasil ocupa a 8ª posição no ranking de viagens de negócios e que o setor de turismo de negócios e eventos movimenta, no país, cerca de U$ 30 bilhões ao ano”. Para Steinberg, o crescimento do setor é revertido em mais espaço para a mídia especializada. Ainda de acordo com o jornalista “o termo evento abrange desde uma festa de aniversário até um congresso internacional. Precisamos pensar economicamente até o quanto esses eventos podem alavancar o turismo. Um calendário bem feito e atrativo é um pretexto para que o turista possa retornar a um destino”, disse. Sérgio Junqueira afirmou que “as chefias de reportagens precisam, cada vez mais, familiarizar seus profissionais com os temas relacionados ao turismo”, sugeriu.

Para Adrian Alexandre, os ruídos de comunicação podem ser evitados à medida que a mensagem, a ser transmitida pelos organizadores de eventos, seja bem trabalhada pela sua assessoria de comunicação. Para isto, “as organizações dos eventos precisam munir a imprensa com subsídios para a construção do texto jornalístico. O jornalista que cobre a indústria de eventos precisa entender todas as variáveis e benefícios que um determinado evento traz para o destino onde ele é realizado”, opinou.

Para Luiz Marcos Fernandes, “mesmo tendo que lidar com os interesses comerciais da sua empresa trabalha, o jornalista precisa preservar a independência na linha editorial. No setor de turismo, é um desafio buscar permanentemente o senso crítico”, concluiu.

FORNATUR

Na tarde de hoje, 09/12, a secretária de Estado de Turismo, Érica Drumond, recepciona todos os secretários de Estado de Turismo para a reunião do Fornatur – Fórum dos Secretários e Dirigentes Estaduais de Turismo. Hoje à noite, com a presença do Ministro de Turismo, Luiz Barretto, será realizada a abertura oficial do evento, no Teatro Granada, no Minascentro.

SEMANA NACIONAL DOS EVENTOS

Realizada pela primeira vez fora da cidade de São Paulo, a Semana Nacional de Eventos transforma Belo Horizonte na capital nacional do Turismo, entre os dias 8 e 11 de dezembro. Com uma programação rica em painéis, o encontro reúne todos os secretários de Estado de Turismo país, além de Convention & Visitors Bureaux do Brasil e da América Latina.

A Semana é uma realização da Secretaria de Estado de Turismo, em parceria com o Ministério do Turismo, a União Brasileira dos Promotores de Feiras – UBRAFE –, a Associação Brasileira de Centros de Convenções e Feiras – ABRACCEF –, Associação de Marketing Promocional – AMPRO –, Associação Brasileira de Empresas de Eventos – ABEOC – e Confederação Brasileira dos Conventions e Visitors Bureaux – CBC&VB.

Fonte: Secretaria de Turismo de Minas Gerais

  
  

Publicado por em