SETUR/MA promove oficina no Pólo Turístico da Floresta dos Guarás

O principal objetivo foi identificar os atrativos comuns e o diferencial do Pólo Turístico dos Guarás, no Litoral Norte do Maranhão.

  
  

Identificar os atrativos comuns e o diferencial do Pólo Turístico dos Guarás, no Litoral Norte do Maranhão. Esse foi o principal objetivo de oficina promovida pela Secretaria de Estado do Turismo – SETUR/MA, este mês, no município de Cururupu. Participaram representantes dos municípios de Bacuri, Cururupu, Guimarães e Porto Rico do Maranhão e empresários do setor turístico.

A oficina faz parte do “Programa de Regionalização do Turismo - Roteiros do Brasil”, do Ministério do Turismo. Já foi realizada no pólo turísticos Chapada das Mesas e está agendada para acontecer no pólo Delta das Américas, no município de Tutóia, no próximo mês.

Uma das discussões mais destacadas em Cururupu girou em torno da possibilidade de estruturar na região uma instância de governança regional para o turismo. O primeiro passo foi analisar as limitações e as motivações dos governos locais, iniciativa privada e sociedade civil sobre o assunto.

O Programa de Regionalização do Turismo tem entre suas metas o planejamento para o desenvolvimento sustentável do turismo e a diversificação e ampliação da oferta desse serviço nas diversas regiões do País.

No Maranhão tem cinco pólos já definidos como produto turístico: São Luís, Parque dos Lençóis, Floresta dos Guarás, Chapada das Mesas e Delta das Américas. Os pólos Lagos Floridos e Região dos Cocais estão sendo implementados pela SETUR/MA.

A SETUR/MA vem realizando a segmentação da atividade turística nos municípios reconhecidos como de potencial para o desenvolvimento dessa atividade. O trabalho é viabilizado através de sensibilização e diagnóstico desse potencial de maneira a desenvolver ações diversificadas e atrativas nos pólos.

“Nossa meta é mapear e ampliar a oferta turística e dotar o Maranhão de uma infra-estrutura turística em todos os pólos para que se possa garantir uma oferta com a qualidade exigida pelo turista”, afirma o secretário de Turismo, Tadeu Palácio. Para que isso, a secretaria vai apoiar todas as iniciativas do Ministério do Turismo, como os programas de regionalização e divulgação de nossos produtos nos mercados nacionais e internacionais.

Fonte: Secretaria de Turismo do Maranhão

  
  

Publicado por em