Turismo de Eventos ganhará banco de dados

Mais de R$ 500 mil serão investidos pelo Mtur para estimular a competitividade entre os destinos

  
  
Logo do BBE

O segmento de Eventos, um dos que mais crescem no País, ganhará um banco virtual de informações até o fim de 2009. A iniciativa, inédita no Brasil, é uma parceria entre o Ministério do Turismo, o Sebrae Nacional e a Confederação Brasileira de Convention & Visitors Bureaux (CBC&VB). O investimento do MTur será de mais de R$ 500 mil.

A ferramenta de pesquisa auxiliará as instituições do setor a captar eventos em diferentes municípios, atraindo turistas e consequentemente fazendo a economia girar. O banco também beneficiará cidades menores, que possuem dificuldade em acessar esse tipo de informação.

O objetivo é aumentar a competitividade entre os destinos. É o que conta a coordenadora geral de Segmentação do MTur, Rosiane Rockenback: “com o BBE, nós pretendemos, além de centralizar as informações, contribuir para que as instituições cadastradas otimizem o processo de captação de eventos”.

O banco informará aos cadastrados o último local onde um evento foi realizado e as suas características. O cadastramento de eventos obedecerá uma série de critérios, que estão sendo definidos por um conselho consultivo composto pelo MTur, CBC&VB, Sebrae e entidades do setor. A manutenção e a gestão do BBE também estão sendo definidas.

Ainda de acordo com a coordenadora geral de Segmentação, três lançamentos nacionais estão previstos até o fim do ano, quando o BBE será apresentado aos potenciais usuários. O site do banco já está no ar www.bbe.org.br, mas o cadastramento de instituições e de eventos só estará disponível após os lançamentos.

Segmento de Eventos – Uma pesquisa divulgada este mês pela CBC&VB apontou um crescimento de 46% no número de eventos captados no ano passado. O Censo 2009 também constatou que eles corresponderam a uma receita bruta de R$ 20,9 milhões. No total, 2.356 eventos foram captados.

Além disso, 77% dos que responderam à pesquisa afirmaram que não registraram cancelamentos ou alterações em sua programação devido à crise econômica.

Fonte: MTur

  
  

Publicado por em