Turismo Gaúcho é promovido na ITB, em Berlim

a ITB - International Tourism Exchange é a a maior convenção do turismo mundial.

  
  
Canyon Itaimbezinho

Nesta quarta-feira, 11 de março, iniciou em Berlim a maior convenção do turismo mundial, a ITB - International Tourism Exchange. Integrante do estande organizado pela Embratur, com 850m², em parceria com o Convention & Visitors Bureau de Porto Alegre, a Secretaria de Estado do Turismo do Rio Grande do Sul estará promovendo e divulgando os atrativos turísticos gaúchos até o dia 15 de março.

Além de serem os turistas que mais gastam em viagens para o exterior, os alemães também são os que mais realizam viagens para outros países. Em 2007 gastaram mais de US$ 83 bilhões, sendo também os turistas que tiveram a maior permanência no Brasil durante suas visitas, uma média de 19,2 dias, em viagens realizadas por motivo de lazer. De acordo com estudo da Embratur, “natureza, ecoturismo ou aventura” figuram entre as principais motivações de viagem para o Brasil, segundo 32,6% dos alemães. Ao todo, foram 257.719 turistas que visitaram o País, que gastaram em média, US$ 64,7 por dia nas viagens a lazer e, US$ 117,1, em visitas motivadas por negócios, eventos e convenções.

Para o secretário de estado do turismo, esporte e lazer, Heitor Gularte, “Como sexto maior emissor de turistas para o Brasil, a ITB, na Alemanha, abre espaço para comercialização e troca de experiências gerando oportunidades de negócios com um nicho que podemos atender com muitas opções e qualidade.”

A empresária Lourdes Fellini, vice presidente do Convention & Visitors Bureau de Porto Alegre, entende que “a capital gaúcha, com reconhecido potencial para o turismo de negócios é, também, o principal acesso destes turistas para outros destinos gaúchos “roteiros da Serra, como os de enoturismo e o Itaimbezinho; as fazendas e criações de cavalos crioulos, no Pampa; e as pedras preciosas na região das hidrominerais, são exemplos de atrativos que possuem um padrão internacional e com este tipo de promoção pressionamos a demanda”.

Fonte: Secretaria de Turismo do Rio Grande do Sul

  
  

Publicado por em