Enoturismo no Chile é um convite aos amantes do vinho

Os visitantes do Hotel La Casona podem conhecer a vinícola Matetic e fazer degustações de seus vinhos

  
  
La Casona

A procura por destinos focados no vinho está em crescimento, já que o conhecimento na área está se expandindo, assim como a oferta do produto no Brasil. Para os feriados de novembro, os turistas podem optar por conhecer as vinícolas, o processo de produção e fazer degustações, com o hotel La Casona. O casarão em estilo colonial oferece tours e degustações de vinhos da vinícola orgânica Matetic, da qual faz parte.

A pouco mais de uma hora da capital chilena, no Vale de San Antonio, está a vinícola Matetic, que produz vinhos que se destacam no mundo - um deles, inclusive, foi selecionado entre os 100 melhores do mundo pela conceituada revista Wine Spectator. As duas linhas da Matetic são EQ e Corralillo. A EQ recebeu essa nomenclatura como forma de representar o equilíbrio perfeito entre o clima, o solo e a videira. Já a nomenclatura Corralillo provém de uma antiga adega da época das missões cristãs na região.

A enóloga responsável pela criação dos vinhos Matetic é Paula Cardenas, que adquiriu sua experiência na Nova Zelândia, África do Sul, França e Chile. Atualmente, seu trabalho é focado na produção de rótulos biodinâmicos, com consultoria de Nicolas Joly, autoridade mundial na área. A Matetic é uma das poucas vinícolas chilenas a possuírem certificação internacional de produção desses vinhos.

Os hóspedes podem escolher entre três opções de tours (básico, amador e avançado, todos com duração de uma hora) para mergulhar nesse universo. A diferença principal dos tours da Matetic é que são guiados por sommeliers e não por guias convencionais, como acontece em outras vinícolas. Eles começam com uma visita aos vinhedos, seguem para o espaço em que a produção artesanal é feita e depois para a cava onde os barris são armazenados (dispostos de acordo com o Feng Shui). A aventura termina com uma deliciosa degustação de seis tipos de vinhos.

No mês de novembro, os amantes e curiosos do vinho podem aproveitar um dos feriados para conhecer o La Casona. O programa de duas noites custa a partir de US$ 600 por pessoa em acomodação dupla e inclui tour de vinho, meia pensão, cavalgadas guiadas, passeio à casa de Pablo Neruda na Isla Negra e traslados entre o aeroporto e o hotel.

Mais informações no site www.mateticvineyards.com

Fonte: AD Comunicação & Marketing

  
  

Publicado por em

José Luís

José Luís

31/07/2011 20:06:53
Tenho interesse em fazer este viagem ao Chile...qual o valor? De onde partimos? Quando? Forma de pagamento? Roteiros de viagens...

Equipe EcoViagem

Equipe EcoViagem

Olá José Luis, Para mais informações favor entrar em contato com a AD Comunicação & Marketing ([[http://www.adcomunicacao.com.br/). atenciosamente, equipe|]] EcoViagem