Eventos adicionam fermento à gastronomia gaúcha

Seminário e Rodada de Negócios em Porto Alegre reunirão proprietários de bares restaurantes e a sua cadeia produtiva

  
  

Alta capacidade de renovação e de cativar clientes são temperos essenciais também para a expansão da gastronomia especializada e qualificada. Além de delícias culinárias para encantar e satisfazer os paladares, a receita para o avanço deste segmento passa ainda por investimentos na gestão eficiente.

Nesta quarta (24) e na quinta-feira (25), em Porto Alegre, o 2º Seminário de Gestão para Gastronomia e a 2ª Rodada do Polo de Gastronomia acrescentam mais atividade a essa orquestra das panelas. Promovidos pelo Sebrae no Rio Grande do Sul, os eventos estão inseridos na programação do Encontro Nacional da Associação Brasileira de Bares e Restaurantes (Abrasel). A reunião é anual e cada edição é realizada em um estado.

Os eventos reunirão proprietários de bares restaurantes e a sua cadeia produtiva no Centro de Eventos BarraShoppingSul, em Porto Alegre. A participação é gratuita.

Estão previstos 200 participantes no seminário nesta quarta-feira (24), que terá como ingredientes a apresentação das ações do Projeto Polo Gastronômico de Porto Alegre, o caso de expansão da empresa de refeições coletivas Puras do Brasil e palestras sobre motivação de equipes e controle fiscal.

Depois dos debates, no dia 25 é a vez de acrescentar fermento na comercialização. Com a capacidade de promover 300 agendas de encontros, a Rodada de Negócios vai reunir empresários da área de gastronomia e 25 fornecedores já confirmados dos segmentos de equipamentos de limpeza, vinícolas, cachaçaria, uniformes, confeitaria, sistemas de software, sistema bancário e desenvolvimento de marca. Os interessados em conhecer e negociar com os fornecedores devem realizar pré-agendamento através do e.mail janainam@sebrae-rs.com.br.

A gestora do projeto Polo Gastronômico de Porto Alegre, da Regional Sebrae/RS Metropolitana, Katia Gisele de Souza, explica que ambos os eventos acompanham as expectativas de crescimento do setor. “Em relação ao ano anterior, temos um incremento de 100% no número de agendas para a Rodada de Negócios e 25% nas vagas para o Seminário".

De acordo com Kátia, apesar das adversidades econômicas, as micro e pequenas empresas da área estão motivadas e veem oportunidades de aumentar o faturamento a médio e longo prazo. “Investimentos em infraestrutura e turismo e os grandes eventos que a região deve receber, como a Copa 2014, dão excelentes perspectivas”, justifica.

Ela argumenta que os proprietários já sentem que precisam se capacitar e melhorar suas estruturas em serviços, produtos e atendimento. “As próprias palestras e o caso que trazemos para este seminário são voltados para a qualificação do empreendedor e seus colaboradores e a melhoria das gestões de administração e ações de mercado”, salienta.

A palestra 'Como Construir Equipes Motivadas e Comprometidas com o Sucesso' será ministrada pelo presidente nacional da Abrasel, Célio Sales. O painel 'O Desafio do Crescimento' vem com a apresentação do caso de sucesso da Puras do Brasil. A empresa começou em Porto Alegre, em1980, servindo 30 refeições por dia e hoje atua em 21 estados e no Distrito Federal, conta com mais 18 mil colaboradores, servindo 740 mil refeições diárias.

Kátia ainda destaca a palestra 'Big Brother Fiscal', com o presidente da Abrasel Bahia, Luiz Henrique do Amaral. “È a novidade no Seminário. Vamos levar aos empresários conhecimentos para o domínio da questão fiscal e as diversas formas de controle que os ministérios e secretarias de fazenda têm implementado neste ambiente”, explica.

A gestora afirma que a importância do Seminário está em levar reflexão aos empreendedores. “O setor tem vários caminhos para a expansão. Mas a qualidade na produção dos alimentos também precisa estar na gestão dos negócios. Através do projeto, o Sebrae/RS auxilia e ensina que organização, redução das perdas, capacitações e medição de indicadores são utensílios bastante úteis também para os gestores dos restaurantes”.

Prato cheio

Conforme o Sebrae/RS, são 4,5 mil empresas formais atuantes no setor de gastronomia em Porto Alegre. Em todo o País, são mais de 1 milhão de empresas, sendo 98% de micro e pequeno porte. O setor ainda emprega aproximadamente 6 milhões de pessoas e representa 37,5% do PIB do Turismo nacional.

O projeto Polo Gastronômico de Porto Alegre, criado para fortalecer o setor na cidade, atende 45 estabelecimentos de micro e pequeno portes. O objetivo é aumentar o faturamento das empresas e garantir a segurança alimentar na produção de alimentos por meio da profissionalização da gestão e da qualificação da mão-de-obra.

O projeto é desenvolvido pelo Sebrae/RS, em parceria com o Sindicato de Hotéis, Restaurantes, Bares e Similares de Porto Alegre (Sindpoa), a Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul (PUC RS), o Serviço Nacional de Aprendizagem Comercial (Senac/RS), o Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial do Rio Grande do Sul (Senai/RS), a Associação Brasileira de Bares e Restaurantes (Abrasel), Secretaria Municipal de Turismo de Porto Alegre e o Programa Gaúcho de Qualidade e Produtividade (PGQP).

Entre as ações, se destacam o Programa de Alimentação Segura (PAS), que certifica a qualidade dos alimentos, e, o Programa Gestão de Qualidade, que qualifica o processo de gestão e a avaliação da gestão das empresas pelo sistema do Programa Gaúcho da Qualidade e Produtividade (PGQP).

O PAS, programa desenvolvido pelo Sebrae Nacional, em parceria com o Senai, Sesi, Senac e Sesc, tem o objetivo de reduzir os riscos dos alimentos à população. Atua no desenvolvimento de tecnologia, de metodologia, de conteúdos, de formação e de capacitação de técnicos para disseminar, implantar e certificar ferramentas de controle em segurança de alimentos. Conforme a gestora, a meta de inserir 80% das empresas do projeto está próxima de ser alcançada.

Solidariedade

Entre as próximas ações do projeto, está o Circuito Gourmet. Trinta estabelecimentos gastronômicos de Porto Alegre estarão unidos para benefício de instituições de caridade. Entre 19 de julho e 19 de agosto, estes locais vão oferecer alguns pratos em seus menus que, quando consumidos por clientes, terão parte da renda destinada às organizações beneficentes.

Abrasel

A Abrasel reúne, anualmente, empresários, fornecedores, prestadores de serviço, acadêmicos e lideranças nacionais e locais do setor de alimentação fora do lar para discussões regionais de temas e tendências e para oportunizar a geração de negócios. O tema do Encontro em 2009 é “Viagem pelos Sabores – a importância da gastronomia para o fortalecimento do turismo”. Estão programados, além do Seminário e Rodada de Negócios do Sebrae, workshops e palestras; fóruns de debate; Cozinha Show; Arena Show; Espaço Acadêmico; Espaço do Vinho; Espaço de Franquias; Espaço Turismo; e diversos estandes de empresas do ramo.

Serviço:
Sebrae no Rio Grande do Sul - (51) 3216-5165, 3216-5182 ou 9955-8192
Central de Relacionamento Sebrae - 0800-570-0800
Sebrae/RS Metropolitana - 3216-5006

Fonte: Agência Sebrae de Notícias

  
  

Publicado por em