Lagosta para todos os gostos

Os participantes do 3º Festival Gastronômico da Lagosta de Maragogi e Japaratinga começam a divulgar os deliciosos pratos que poderão ser degustados durante o evento, que acontece entre os dias 7 e 15 de setembro de 2012

  
  
3º Festival Gastronômico da Lagosta de Maragogi e Japaratinga

Os participantes do 3º Festival Gastronômico da Lagosta de Maragogi e Japaratinga começam a divulgar os deliciosos pratos que poderão ser degustados durante o evento, que acontece entre os dias 7 e 15 de setembro de 2012.

São 15 restaurantes, que apresentam o lado mais criativo dos seus chefs para o cenário gastronômico nacional. Eles vão elaborar pratos especiais com lagosta, com desconto de 40% no preço normal. Com ousadia de sobra, as iguarias ganham sabores, visuais e nomes inusitados, que valem ser conferidos, como a Lagosta Al Concha y Toro, a Lagosta Tropical, Bilu Samba na Neve e Lagosta Mont Blanc, entre outros

O festival movimenta o turismo da região norte de Alagoas e proporciona experiências inesquecíveis para os viajantes que querem conhecer um pouco mais da cultura, gastronomia e belezas naturais dos dois municípios, que ficam a cerca de 130 km das capitais Maceió (AL) ou Recife (PE).

Além disso, o evento contará com apresentações culturais, palestras, oficinas e destaque para o rico artesanato da região e outros famosos quitutes, como bolinho de goma, mariscos e a bolacha Maragogi.

O festival é uma realização da AHMAJA (Associação do Trade Turístico de Maragogi e Japaratinga), com patrocínio da Camponesa, e apoio da Secretaria de Turismo de Alagoas, do Sebrae/AL, da Prefeitura de Maragogi e do Banco do Nordeste (BNB). Também conta como parceiros a Faculdade Maurício de Nassau, a ABIH/AL, a Abrasel/AL, o IFAL, o SESC/AL e o SENAC/AL.

Sobre Maragogi e Japaratinga
Conhecida em especial por suas belas piscinas naturais, a região de Maragogi e Japaratinga revela muitas surpresas. São 15 praias, em 37km de costa, com areias branquinhas, coqueirais e águas mornas e cristalinas. Os viajantes encontram ainda excelentes opções de hospedagem, desde resorts sofisticados até aconchegantes pousadas e chalés, além de uma natureza preservada, com lindos visgueiros (árvores remanescentes da Mata Atlântica) e um povo alegre e acolhedor que guarda suas tradições na culinária.

Fonte: Agência Guanabara

  
  

Publicado por em