Manchester muito mais do que futebol – Inglaterra

A cidade britânica prova que nem tudo ali gravita à volta do futebol. Música e arquitetura completam o cenário.

  
  
Apesar de ser muito ligada ao futebol, a cidade tem diversos outros atrativos

Para muitos, a maior atracção de Manchester será a sua ligação ao Manchester United, uma das equipas mais mediáticas do mundo, mas a cidade britânica prova que nem tudo ali gravita à volta do futebol. Música e arquitetura completam o cenário.

Poucos resistirão a não espreitar o estádio de Old Trafford, mas esta é uma cidade vibrante, com outras atracções a considerar. Comece por explorar lugares com entrada gratuita como a Whitworth Art Gallery, o Heaton Park ou a fabulosa biblioteca gótica John Ryland.

Quem gosta de arquitectura, não deve perder de vista os seis principais ícones da cidade, a saber: Central Library, The Royal Exchange, Victoria Baths, The Daily Express Building, Peel Tower, UMIST, Town Hall e Salford Quays.

Escolher um hotel na cidade só é um problema pelo excesso de oferta. Para ajudar, separamos, no centro, The Lowry e o Radisson Edwaedian Manchester, os dois mais luxuosos e modernos. Segue-se, o Hilton Manchester Deansgate. No segmento budget, mas ainda assim centrais, terá o Ibis Hotel Portland street ou o Novotel Manchester.

Manchester possui um número generoso de restaurantes. À cabeça, destacamos o Michael Caines at Abode, com duas estrelas Michelin e o Room, que funciona num antigo club e impressiona pela decoração e pela cozinha britânica com um toque de autor. Trealce ainda para o Second Floor Restaurant, com uma vista impagável, ou ainda o Walrus, mistura de cantina e bar que serve comida japonesa criada pelo ex-chef do Nobu, Paul Day.

Considere uma ida ao teatro, a cidade possui uma boa programação a esse nível, e, se visitar a cidade em Julho, poderá ainda ter o bónus de apanhar o Manchester Internacional Festival. Noutro registo, os bares mais populares são o Lammars, The Briton´s Protection, o Odd Bar ou ainda o Cinnabar. Fora de horas, os clubes nocturnos mais quentes são o Cuba Café, o Sub Space e o Sakura.

Fonte: Destinos de Viagem

  
  

Publicado por em