Notícias > Turismo > Meios de hospedagem > 

Cidades-sede da Copa 2014 têm 70% da oferta hoteleira nacional

Pesquisa do IBGE identifica estrutura hoteleira em todo o país: são 7.479 mil estabelecimentos, 70% deles nas 12 cidades-sede da Copa 2014

26 de Abril de 2012.
Publicado por Equipe EcoViagem  

O Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) divulgou nesta quarta-feira (25) os resultados da Pesquisa de Serviços de Hospedagem (PSH) 2011, encomendada pelo Ministério do Turismo. De um total de 7.479 mil estabelecimentos registrados, 70% estão localizados nas 12 cidades-sede da Copa do Mundo da FIFA 2014 e suas regiões metropolitanas. São 5.510 mil estabelecimentos em Belo Horizonte, Brasília, Cuiabá, Curitiba, Fortaleza, Manaus, Natal, Recife, Rio de Janeiro, Salvador, São Paulo e Porto Alegre.

Segundo o ministro do Turismo, Gastão Vieira, os dados demonstram a agilidade do setor hoteleiro em se preparar para a Copa 2014. Ele citou a linha Procopa Turismo, arquitetada a partir de uma parceria entre o MTur e o BNDES e que prevê financiamentos de mais de R$ 1 bilhão, com juros e prazos especiais, para a hotelaria.

“Pesquisa do Ministério do Turismo durante o mundial da África do Sul revelou que o turista da Copa permanece, em média, três dias em cada cidade. A oferta disponível, os empreendimentos em construção e a rotatividade característica da demanda nos permitem afirmar que o setor dispõe de estrutura suficiente para atender bem aos turistas”, afirma Gastão Vieira.

O levantamento foi feito nos municípios das capitais, regiões metropolitanas e regiões integradas de desenvolvimento – RIDE. Ele identificou 327.678 mil unidades habitacionais (suítes, apartamentos, quartos e chalés) e uma capacidade de hospedagem de 741.303 mil na rede hoteleira nacional. As cidades-sede concentram 254.205 mil UH´s. Nelas, a oferta é de 567.195 mil, 76% do total, o que inclui leitos unitários e duplos.

De acordo com a PSH 2011, São Paulo é a cidade com o maior número de estabelecimentos hoteleiros (1.323), seguida pelo Rio de Janeiro (609) e Belo Horizonte (589). Na média nacional, são 44 unidades habitacionais por estabelecimento. Na capacidade de hospedagem, a média foi de 99 hóspedes. O Rio de Janeiro se destacou, com 137 hóspedes por estabelecimento.

Fonte: MTur

Compartilhar nas Redes Sociais

Comentários


 

Veja também

Empresa cria cápsula para passageiros descansarem nos aeroportosVizinhos das doze cidades-sede da Copa atendem a cerca de 200 mil hóspedes

 

editar    editar    editar    0 visitas    0 comentários