Notícias > Turismo > Meios de hospedagem > 

Estocolmo transforma Jumbo 747 em hotel

Um hotel fora do comum está surpreendendo os turistas na Suécia. Trata-se de um Jumbo 747-200 que por fora é um avião normal e por dentro é um hotel com toda a infraestrutura dos grandes concorrentes de alvenaria

4 de Janeiro de 2012.
Publicado por Equipe EcoViagem  

A principal suite tem vista panorâmica para o aeroporto e localizada onde, antigamente, ficava  a cabine de piloto do avião

A principal suite tem vista panorâmica para o aeroporto e localizada onde, antigamente, ficava a cabine de piloto do avião
Foto: Divulgação

Em Estocolmo, um hotel fora do comum está surpreendendo os turistas. Trata-se de um Jumbo 747-200 que por fora é um avião normal e por dentro é um hotel com toda a infraestrutura dos grandes concorrentes de alvenaria.

Viajar de avião nem sempre é um programa agradável, principalmente se tiver de passar a noite a bordo dele. A menos que tenha a possibilidade de viajar numa classe superior, o espaço para as pernas nos assentos destinados aos passageiros de classe normal nem sempre é suficiente para se sentir confortável. Ou seja, dormir a bordo é um exercício de flexibilidade para a maior parte dos passageiros.

Mas não em todos os aviões: há um Jumbo 747-200 criado propositadamente para quem quer dormir. Trata-se do Jumbo Stay Hotel e pode ser encontrado em Estocolmo, a capital da Suécia.

Sempre no chão, este hotel oferece diferentes categorias de quartos e pode acomodar, em cada um deles, entre um e três adultos. Também existe a opção de dormitório, com chuveiros partilhados e acesso à casa de banho.

Jumbo 747 que foi transformado em hotel na Suécia

Jumbo 747 que foi transformado em hotel na Suécia
Foto: Divulgação

No topo desta “cadeia alimentar” está uma luxuosa suite com vista panorâmica para o aeroporto e localizada onde, antigamente, ficava a cabine de piloto do avião. A empresa Arlanda é a responsável pela ideia que surgiu em 2006. O aparelho reutilizado, construído trinta anos antes, foi operado pela companhia sueca Transjet, tendo anteriormente estado na posse da Singapore Airlines e da Pan Am.

Em Janeiro de 2008 foram iniciadas as obras de remodelação a bordo deste Jumbo. Ele foi desmontado e teve retirado todo o seu interior e os 450 assentos. Nesse mesmo Verão, o avião foi transferido para o aeroporto da capital sueca e colocado sobre uma estrutura de cimento, que o suporta. Ao todo são 27 quartos, 76 camas e cada quarto tem aproximadamente, seis metros quadrados e três metros de altura.

Fonte: Destinos de Viagem

Compartilhar nas Redes Sociais

Comentários


 

Veja também

Nada menos do que cinco estrelasQuais são os melhores albergues do Brasil?

 

editar    editar    editar    0 visitas    0 comentários