Portugal ganha seu primeiro hotel 6 estrelas

O Resort Conrad Algarve, chancela Hilton e já adjectivado de “seis estrelas”, com gala dos World Travel Awards Europe

  
  
São mais 154 quartos de luxo na Quinta do Lago, spa exclusivo e restaurantes gourmet

O Resort Conrad Algarve, da linha Hilton é o primeiro hotl com seis estrelas de Portugal. Logo na inauguração ele ganhou ele conquistou dois “óscares” europeus e um nacional. São mais de 154 quartos de luxo na Quinta do Lago, spa exclusivo e restaurantes gourmet, incluindo um chef três estrelas Michelin. Preços? De cerca de 200€ por duplo básico a mais de 3000€ pela suite presidencial.

O novo resort da Quinta do Lago, numa área de sete hectares “no coração do Parque Nacional do Rio Formoso”, faz parte do universo Hilton Worldwide (que no Algarve gere também o Hilton Vilamoura As Cascatas) e é a primeira unidade com a insígnia Conrad a abrir em Portugal. Resume-se como um “hotel contemporâneo”, com 154 quartos e suites, que promete oferecer aos hóspedes um serviço de “excelência” e de “máximo luxo”. Em comunicado, a empresa garante que o resort também “oferece um reflexo genuíno da cultura local”, cercado de belas paisagens, lagos, jardins e piscinas.

O edifício foi cuidadosamente construído na forma de um palácio português do século XIII

Os quartos e suites repartem-se por seis andares, com o hotel a ostentar um design de influências mouriscas. O edifício foi cuidadosamente construído na forma de um palácio português do século XIII, com características que incluem peças de arte e iluminação especialmente desenvolvidas para esta unidade. O espaço é marcado pelo trabalho assinado pelo designer português Miguel Câncio Martins.

“Esta nova e exclusiva unidade irá trazer ao Algarve um novo padrão de luxo e serviço irrepreensível”, promete John T.A. Vanderslice, responsável pelas áreas de luxo e lifestyle a nível global da Hilton. Como bons exemplos, um spa top de linha ou um restaurante gourmet, assinado por Heinz Beck, chef que conquistou dezenas de distinções, incluindo três estrelas Michelin (para o La Pergola de Roma).

O espaço é marcado pelo trabalho assinado pelo designer português Miguel Câncio Martins

Restaurantes
O Hotel dispõe de seis restaurantes e bares. “Um paraíso gastronômico”, garantem, onde se destacam o gourmet Gusto, o português Louro e o sul-americano Dado.
O restaurante Gusto é coordenado pelo aclamado chef Heinz Beck (conquistou dezenas de distinções, incluindo três estrelas Michelin para o La Pergola de Roma). Aqui há gastronomia contemporânea, mediterrânea e de fusão num “design de inspiração escandinava”.
 No restaurante Louro, o convite é para um “menu saudável inspirado na herança culinária portuguesa”.
 Já o Dado é um restaurante de influências sul-americanas, onde haverá “um ambiente animado com zonas de refeição privadas e um extenso menu de cocktails”. 
No Lago Lounge, propõe-se “um elegante espaço interior e exterior, servindo o melhor champanhe, cocktails clássicos e chás provenientes do Sri Lanka”.
Junto à piscina, o bar Sereno garante refeições mais leves ou gelados artesanais.

Conrad Spa
Não faz por menos: diz-se “unicamente inspirado pela cultura e experiências locais num ambiente deslumbrante”. Neste spa exclusivo, há “experiências de assinatura” e “tratamentos personalizados” que “combinam produtos e técnicas de nível”. Soma-se a isso: sauna, sala de vapor, piscina de hidromassagem, duches sensoriais, piscina e chuveiro de gelo. As salas de tratamento possuem até espaços exteriores e há uma zona de terraço. O centro de bem-estar completa-se com uma seleção de piscinas, centro de fitness (pela Technogym) e campo de tênis ou serviço de concierge de golfe.

O palácio das crianças oferece férias personalizadas para os mais pequenos e atividades durante todo o dia (até baby ioga)

O palácio das crianças
Chama-se Little C Palace e é um clube de crianças (3-12 anos). Oferece férias personalizadas para os mais pequenos e atividades durante todo o dia (até baby ioga).

Turismo de negócios e festas
Para o turismo de negócios, eventos e conferências: um salão e seis “espaçosas” salas de reunião, “com luz natural e design moderno”, acesso Wi-Fi, tecnologia audiovisual e terraços exteriores.

Fonte: Destinos de Viagem

  
  

Publicado por em

Léa Só

Léa Só

31/10/2012 23:46:23
Se realizar o meu maior sonho que é conhecer Portugal, apesar da idade avançada (setenta anos), aproveitarei dependendo das condições, o primeiro Hotel de 6 estrelas. Sei que jamais me arrependerei. Parabens, Portugal!