Oito cidades da região do Brejo paraibano se organizam para dinamizar o turismo

Apesar do sol e da praia do litoral, que ainda atraem grande parte dos turistas que vão à Paraíba, eles já podem planejar novos passeios para o período do inverno. É que oito municípios do Brejo paraibano s

  
  

Apesar do sol e da praia do litoral, que ainda atraem grande parte dos turistas que vão à Paraíba, eles já podem planejar novos passeios para o período do inverno. É que oito municípios do Brejo paraibano se preparam para ofertar o roteiro "Caminhos do Frio", como mais uma opção para quem visita o Estado.

Reunindo festivais de artes, paisagens bucólicas, muitos engenhos e patrimônio histórico secular, o roteiro integra o que há de melhor na região, além do clima frio característico. Entre os dias 12 de julho e 1º de setembro, as cidades de Bananeiras, Areia, Fagundes, Serraria, Alagoa Nova, Alagoa Grande, Araruna e Pilões realizarão eventos, num calendário festivo que deverá dinamizar a economia da região.

"Estamos com boas expectativas para deslanchar o roteiro este ano. As prefeituras estão procurando se integrar, buscando captar recursos para investir em infra-estrutura. A Universidade Federal da Paraíba vai nos auxiliar na elaboração e execução dos projetos dos eventos", explica Ana Gondim, secretária de Turismo de Bananeiras.

Prefeitos e representantes dos oito municípios, além da secretaria de Turismo do governo do Estado, estiveram reunidos na tarde de terça-feira (6/2) no Sebrae em João Pessoa, definindo as datas de cada evento e, na sexta-feira (9/2), reuniram-se com técnicos da Coordenadoria de Extensão da Universidade Federal da Paraíba (UFPB/Coex) para discutir os projetos de cada cidade.

Segundo o secretário de Turismo do Estado, Gilberto de Oliveira, o governo, por meio da PBTur e da própria secretaria, já está intermediando junto às empresas privadas a captação de recursos para investir na realização dos eventos no Brejo.

Areia se destaca pela realização do tradicional Festival de Artes da cidade. Já municípios menores, como Pilões e Alagoa Nova, vão explorar as novas vocações econômicas das cidades, a floricultura e a avicultura (galinha de capoeira), respectivamente.

Bananeiras realizará a 2ª edição do "Diálogos da criação - Festa das Artes", uma programação extensa de atividades culturais. E a aposta da cidade de Alagoa Grande é a realização do Festival Jackson do Pandeiro, com a inauguração de um museu dedicado ao filho ilustre da cidade.

De acordo com Regina Amorim, gestora do Programa de Turismo do Sebrae Paraíba, o importante é manter um cronograma de atividades de planejamento, para que as prefeituras e o empresariado local se organizem e possam garantir toda a programação. Entre as ações previstas, está a capacitação de pequenos meios de hospedagem e restaurantes para que possam melhor atender o turista que visitar a região no período.

Fonte: Sebrae

Del Valle Editoria

Contato: vininha@vininha.com

  
  

Publicado por em