Bem Receber Copa estimula qualidade dos serviços turísticos no país

Programa de qualificação profissional para a Copa 2014 abrirá mais de 230 mil novas vagas no triênio 2011-2013

  
  
No Ceará, o ministro Pedro Novais anunciou investimentos de R$ 257,7 milhões em qualificação

O ministro do Turismo, Pedro Novais, anunciou na manhã desta quarta-feira (8), em Fortaleza (CE), que 230,4 mil brasileiros terão acesso aos cursos do programa Bem Receber Copa entre 2011 e 2013. O programa do Ministério do Turismo contemplará profissionais de três segmentos do setor: alimentação fora do lar, meios de hospedagem e agentes de receptivo. O investimento do MTur no programa, nesse período, será de R$ 257,7 milhões.

Em 2011, serão criadas 85 mil vagas. Para 2012, a estimativa é de 81 mil, e, um ano antes da Copa, em 2013, o MTur deve gerar mais 64,4 mil vagas. Em 2010, o Bem Receber Copa ofereceu 63 cursos, distribuídos em 75,5 mil vagas para sete segmentos do setor (alimentação fora do lar, meios de hospedagem, turismo de aventura, negócios e eventos, agências e operadoras, locadoras de automóveis e receptivo aeroportuário), nos 12 estados-sede do mundial de 2014.

De acordo com Novais, investir em qualificação profissional é o primeiro passo para alavancar o crescimento do setor e melhorar o padrão de qualidade dos serviços turísticos no país. Segundo ele, até o fim desta década o turismo será a terceira atividade econômica que mais emprega no Brasil. “O turismo é a indústria que mais cresce no mundo e o Brasil está trabalhando para se destacar. O Ministério do Turismo se vale da cooperação nos estados para fazer seu trabalho Brasil afora”, afirmou o ministro.

“Sem qualidade no atendimento, não há turismo forte e não haverá Copa do Mundo de sucesso”, disse o secretário nacional de Programas de Desenvolvimento do Turismo, Colbert Martins. “Por isso o investimento do Ministério do Turismo é nas pessoas. Homens e mulheres de todo o Brasil que fazem a experiência do turista valer a pena”, analisou.

Fonte: MTur

  
  

Publicado por em